Veja abaixo nosso catálogo de livros para Humanitas . Clique sobre um livro para incluir no carrinho de compras.

Corpos pagãos Corpos pagãos
Usos e figurações na cultura brasileira (1960-1980)
Mario Cámara
Área: Arte | Literatura
Coleção: Humanitas
2014. 231 p. ISBN: 978-85-423-0041-3
Dimensões: 22,5 x 15,5 x 1,5
Peso: 350 gramas
Este livro coloca em relação as artes plásticas, a literatura e a música de um período inovador e polêmico da cultura brasileira. Obras de Glauco Mattoso, Hélio Oiticica, Lygia Clark, Jorge Mautner, Roberto Piva, Torquato Neto, Waly Salomão e Paulo Leminski se relacionam numa temporalidade que permite vislumbrar uma história cultural tecida não só por drásticas rupturas, mas por contatos delicados e imperceptíveis.

R$ 48,00

Intelectuais e Estado Intelectuais e Estado
Marcelo Ridenti, Elide Rugai Bastos e Denis Rolland (org.)
Coleção: Humanitas
Área: Sociologia
ISBN: 85-7041-551-6
Nº de páginas: 264
Preço: R$ 47,00

Este livro resulta de seminário realizado na Universidade Estadual de Campinas, com a participação de pesquisadores brasileiros e franceses. Aborda as múltiplas relações dos intelectuais com o Estado em diferentes conjunturas ao longo dos séculos XIX e XX, na França, Rússia, Portugal, Itália e em países da América Latina, com ênfase na sociedade brasileira. Os artigos são voltados ou para um determinado intelectual, embora recuperando seu diálogo com outros anteriores ou do período, ou abordam vários deles em perspectiva comparada que, por vezes, abrange a análise de mais de uma sociedade nacional. O leitor encontrará nestes textos pesquisas sobre os intelectuais e sua relação com o Estado e a política, tema que permanece relevante neste início de século.

R$ 47,00

Hermenêutica e poesia - o pensamento poético Hermenêutica e poesia - o pensamento poético
Benedito Nunes; Maria José Campos (Org.)
Área: Literatura - Filosofia;
Coleção: Humanitas
1999. 186 p. ISBN: 85-7041-192-8
2001, 2007. Reimpressões

Ao aproximar poesia e filosofia, o autor apresenta uma dimensão lírica-existencial e crítica única no ensaísmo brasileiro, com uma análise marcante sob o enfoque poético-filosófico. Neste livro, Benedito Nunes lê Heidegger de forma original e única, apresentando, em meio ao essencial do discurso poético, a possibilidade fundamental do silêncio. Assim, Nunes explicita três outras condições também são pertinentes: o ouvir, o poder-ouvir e o silenciar. Ora, quando ouvimos, ouvimos sons configurados; ao ouvir uma melodia, ou distinguir uma harmonia na música, ou ao ouvirmos alguém falar, estamos voltados para a significação daquilo que nos é transmitido. A outra condição que nos parece notável e pode ser aplicada não apenas à interlocução cotidiana como também à poesia é a possibilidade de silêncio. Já o silenciar faz parte do falar.

R$ 35,00

Retratos em Clarice Lispector - literatura, pintura e fotografia Retratos em Clarice Lispector - literatura, pintura e fotografia
Ricardo Iannace
Área: Letras | Crítica e Interpretação
Coleção: Humanitas
Apoio: Fapesp – Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo
2009. 183p. ISBN: 978-85-7041-797-8

A pena e o pincel, a palavra e a tinta: meios pelos quais Clarice Lispector deu vasão à sua arte, ao transitar pela literatura e pela pintura. Se a escrita de Clarice se revela obstinada na vã tentativa de grafar o indizível, capturar o sem sentido das coisas, sua arte pictórica, embora menos divulgada, o faz causando impacto imediato, ao nascer, por vezes, de uma batalha de cores. Ricardo Iannace convida o leitor a caminhar por entre linhas e pinceladas, em busca das muitas faces da artista Clarice, dialogando com Roland Barthes, Jacques Derrida, Platão, Leibniz e muitos outros.

R$ 36,00

Artimanhas da sedução - homossexualidade e exílio Artimanhas da sedução - homossexualidade e exílio
Karl Posso Tradução: Marie-Anne Kremer (revisão de Karl Posso) Área: Literatura | Homossexualismo Coleção: Humanitas 2009. 293 p. ISBN: 978-85-7041-591-2

Construído sobre sólido alicerce teórico e extremamente bem escrito e argumentado, este livro deverá impor-se como marco na crítica de orientação homoerótica. Muito mais do que uma leitura de quatro obras de Silviano Santiago e Caio Fernando Abreu, Artimanhas da sedução permanecerá por muito tempo como o estudo crítico definitivo das intersecções entre o posicionamento do homossexual e a condição do exílio.

R$ 63,00

Modernidades alternativas na América Latina Modernidades alternativas na América Latina
Eneida Maria de Souza; Reinaldo Marques (org.)
Área: Literatura | Crítica Literária
Coleção: Humanitas
2009. 495 p. ISBN: 978-85-7041-688-9

Modernidades alternativas na América Latina assinala a distinta posição que as culturas dos países periféricos assumem diante dos arquivos legados pela modernidade ocidental. A presença de especialistas nacionais, europeus e latino-americanos, em torno de temas comuns – a arquivística, a editoração de livros, a crítica genética e suas vertentes metodológicas e teóricas – se conjuga com a reflexão contemporânea sobre a complexa releitura do moderno no seu aspecto plural e fragmentário.

R$ 69,00

A América Latina e a modernidade contemporânea - uma interpretação sociológica A América Latina e a modernidade contemporânea - uma interpretação sociológica
José Maurício Domingues
Área: Ciências Sociais
Coleção: Humanitas
2009. 255 p. ISBN: 978-85-7041-713-8

Nesta obra, “...o sociólogo brasileiro José Maurício Domingues faz bom uso de seu trabalho anterior em teoria sociológica contemporânea para avançar uma avaliação oportuna e provocativa da atual fase da modernidade na América Latina... O livro é bem-vindo também porque o autor se insere, com méritos a meu ver, na trilha da melhor sociologia produzida nesta parte do mundo durante o século XX. Seguindo Gino Germani, Florestan Fernandes, assim como Fernando H. Cardoso e Enzo Faletto, esta obra também busca um entendimento sociológico da história e do contexto atual da América Latina que se mostra capaz de localizar a sua especificidade nos quadros da modernidade global... A América Latina e a modernidade contemporânea é uma aproximação extremamente lúcida do tempo presente nesta região”.

Daniel Chernilo (Universidade Alberto Hurtado – Chile)

R$ 37,00

Competência em tradução – cognição e discurso Competência em tradução – cognição e discurso

Adriana Pagano, Célia Magalhães e Fabio Alves (Org.)
Coleção: Humanitas
Área: Letras (tradução e interpretação)
2005 303 p. ISBN: 85-7041-417-X
“Embora qualquer falante bilíngüe possua competência comunicativa nas línguas que domina, nem todo bilíngüe possui competência tradutória”. A partir desta afirmativa, os autores indagam sobre a competência em tradução, examinando seus aspectos cognitivos e discursivos, perfis diferenciados de tradutores novatos e experientes, além de abordagens do texto traduzido de potencial interesse para estudantes e pesquisadores da área. A obra reúne textos de Adriana Pagano, Amparo Hurtado Albir, Célia Magalhães, Fabio Alves, José Luiz Vila Real Gonçalves, Maria Lúcia Vasconcelos e Rui Rothe-Neves.

R$ 41,00

Luiz Camillo - perfil intelectual Luiz Camillo - perfil intelectual
Maria Luiza Penna
Área: Biografia / História
Coleção: Humanitas
2006 708 páginas ISBN: 85-7041-519-2
Preço: R$ 65,00 (promoção de lançamento)

Um capítulo dinâmico da história política do Brasil em tempos não longínquos haveria de chamar-se: Da ação subterrânea (e eficaz) de um certo Luiz Camillo, que não era senador nem deputado nem ministro nem nada; era engenhoso e inteligente. Já agora esse subterrâneo precisa ser devassado. O próprio homem Luiz Camillo precisa vir à luz, a que ele se furtava, porque não condizia com asua natural simplicidade. Se não dissermos dele o que valia e significava para os estudiosos, como biblioteca viva e prestante, e para os seus patrícios em geral, a quem pretendia servir através de planos de governo que eram a marca de um coração ardente e de uma excepcional vocação irrealizada se não dermos testemunho, como se saberá que havia outrora um homem chamado Luiz Camillo, e que esse homem tinha a paixão das idéias, tanto literárias como econômicas, e que esse liberal cristão, numa época de extremismos, revalorizou velhas posições pela originalidade de sua inventiva? Carlos Drummond de Andrade

R$ 20,00

Platão, pensador da diferença - uma leitura do Sofista Platão, pensador da diferença - uma leitura do Sofista
Marcelo Pimenta Marques
Apoio: Programa de Pós-Graduação em Filosofia - Posfil/UFMG
Área: Filosofia Antiga;
Coleção: Humanitas
2006. 459 p. ISBN: 85-7041-576-1

Apresenta uma análise nova do Sofista, de Platão. O estudo é duplamente original. O autor acentua o aspecto fundamental do Gênero do Outro em sua relação com o Ser e discute os múltiplos aspectos concretos da alteridade e da diferença. Assim, Marcelo Marques faz uma releitura metódica e detalhada da complexa progressão do diálogo. A técnica humana é o modo pelo qual o ser humano age na cidade: pelas aquisições, trocas e produções ele cria, mantém e faz circular valores, e ela é intrinsecamente ética e política. A ênfase final que o Sofista dá à técnica produtiva, produção de coisas e de atos com palavras (discursos, argumentos) acaba por evidenciar o papel central que a mímesis desempenha na ontologia, como na teoria política platônica.

R$ 67,00

Francisco de Oliveira - a tarefa da crítica Francisco de Oliveira - a tarefa da crítica
Cibele Saliba Rizek e Wagner de Melo Romão (org.)
Área: Ciências Sociais
Coleção: Humanitas
2006 265 páginas ISBN: 85-7041-511-7
Preço: R$ 40,00


Esse livro condensa parte das discussões em torno da obra de Francisco de Oliveira e afirma o campo de uma produção teórica, que nasce de seu pensamento vivo e destemido, diante dos desafios colocados pelo nosso tempo. A teoria opera nos textos de Oliveira - e também nos de seus interlocutores aqui presentes - como armas de uma crítica que não se intimida diante das dificuldades da realidade brasileira, da defesa da política como dimensão fundamental da realização humana e como possibilidade de emancipação dos trabalhadores. Reúne textos de Ana Amélia da Silva, Carlos Alberto Bello, Cibele Saliba Rizek, Francisco de Oliveira, Gabriel Cohn, Heloisa Maria Murgel Starling, Juarez Guimarães, Laymert Garcia dos Santos, Leda Paulani, Leonardo Mello e Silva, Lúcio Kowarick, Luiz Werneck Vianna, Maria Célia Paoli, Marilena Chaui, Nabil Bonduki, Paul Singer, Roberto Véras, Silvio Caccia Bava, Vera da Silva Telles e Wolfgang Leo Maar.

R$ 40,00

Planetas sem boca – escritos efêmeros sobre arte, cultura e literatura Planetas sem boca – escritos efêmeros sobre arte, cultura e literatura
Hugo Achugar
Tradução: Lyslei Nascimento
Área: Literatura Latina
Coleção: Humanitas
2006 378 páginas ISBN: 85-7041-490-0

Esse livro reúne a reflexão de Hugo Achugar nos últimos dez anos. São impressões, pensamentos fugazes, instantâneos perecíveis de um viajante acidental, percorrendo os incertos territórios da reflexão cultural. Foram escritos em diversos eixos e com distintas regras e poéticas. Representam e condensam um pensamento teórico que abrange problemas e debates atuais em literatura, arte e cultura na América Latina.

R$ 41,00

Estampas do imaginário - literatura, história e identidade cultural Estampas do imaginário - literatura, história e identidade cultural
Eneida Leal Cunha
Área: Literatura Comparada
Coleção: Humanitas
2006 155 páginas ISBN:85-7041-523-0

Os ensaios reunidos nesse livro são leituras de textos do acervo brasileiro escritos em diferentes épocas, formados por valores nem sempre convergentes e que, de algum modo, estão à margem do cânone literário nacional, constituído entre o século XIX e meados do século XX. A eleição desses objetos decorre da nossa permanente necessidade de lidar, reflexivamente, com as expressões culturais produzidas no contexto da colonização e do escravismo.

R$ 15,00

Universidade - cooperação internacional e diversidade Universidade - cooperação internacional e diversidade
Ana Lúcia de Almeida Gazzola e Sandra Goulart Almeida
Área: Educação – Ensino Superior
Coleção: Humanitas
2006 326p.. ISBN: 85-7041-494-X

Reúne artigos apresentados no II Congresso Euro-Latinoamericano de Universidades, realizado na Universidade Federal de Minas Gerais em julho de 2004. Divididos em cinco subtemas, os textos refletem, primeiramente, o tema central do Congresso — Universidade, Cooperação Internacional e Diversidade —, em torno de uma reflexão de caráter político/conceitual, discutindo os fundamentos da cooperação universitária, o papel das redes universitárias e apresentando estudos de casos que exemplificam as possibilidades de cooperação interuniversitária.

R$ 15,00

Mulher ao pé da letra – a personagem feminina na literatura Mulher ao pé da letra – a personagem feminina na literatura
Ruth Silviano Brandão
Área: Literatura Comparada
Coleção: Humanitas
2ª edição
2006 241 páginas ISBN: 85-7041-513-3

Mulher ao pé da letra fala de mulher e feminino, que não são a mesma coisa.
Mulher ou cada mulher pode passar pela representação no sentido que lhe atribuem a poética e a psicanálise. Feminino, não. Várias personagens femininas e suas inúmeras feições são abordadas ao longo dos textos, interpretadas através de sua polissemia: seja a personagem construída pelo olhar masculino, seja a que se constitui enquanto texto, inscrita e grafada no espaço ficcional do discurso. Nesta nova edição, a autora fez alguns acréscimos e alguns cortes com o objetivo de tornar mais claras as intuições de alguns anos atrás.

R$ 35,00

Timor-Leste por trás do palco – cooperação internacional e a dialética da formação do Estado Timor-Leste por trás do palco – cooperação internacional e a dialética da formação do Estado
Kelly Cristiane da Silva e Daniel Schroeter Simião (orgs.)
Área: Ciência Política
Coleção: Humanitas
2007 431 p. ISBN: 978-85-7041-598-1

O processo de construção do Estado timorense é examinado por meio de fenômenos e de eventos que retratam os bastidores da assistência internacional ao desenvolvimento. A cooperação surge em ação, como forma de inserção de um conjunto de idéias e valores tidos como globalizados em contextos diversos e que, ao ganhar cor local, produz inesperados resultados. Organizado por dois antropólogos que realizaram pesquisa de campo intensiva no Timor-Leste, inclui ensaios de especialistas de diversas áreas e diferentes origens e demonstra que as práticas de cooperação são um instrumento político tanto para os países doadores de recursos, quanto para os beneficiários da assistência. A obra é dividida em três partes: a primeira situa, historicamente, a experiência recente de Timor-Leste, resgatando aspectos do passado colonial português e da administração indonésia. A segunda parte, a maior do livro, focaliza o cotidiano da cooperação internacional nos últimos anos em três áreas específicas: a administração pública, a implantação das estruturas da Justiça e do sistema educacional. Finalmente, a terceira examina a cooperação internacional como um projeto social que se reproduz em várias partes do mundo, sendo a experiência timorense colocada lado a lado à de outros países, como Guiné-Bissau e Moçambique.

R$ 20,00

Para além da identidade: fluxos, movimentos e trânsitos Para além da identidade: fluxos, movimentos e trânsitos
Luiz Paulo da Moita Lopes e Liliana Cabral Bastos (org.)
Área: Sociologia
Coleção: Humanitas
2010. 319 p. ISBN: 978-85-7041-853-1

Este livro é um convite para se pensar diferente, pensar para além da identidade. Por meio de percursos investigativos multidisciplinares, promove um pensamento teórico-metodológico sobre pós-identidades, ressaltando a natureza fluida, transitória, contingente e performativa de nossas sociabilidades. Ao problematizar as bipolaridades tradicionais – homem e mulher, negro e branco, homossexual e heterossexual, hegemonia e contra-hegemonia, marginalidade e centralidade, entre outras –, permite a reflexão sobre as práticas cotidianas, incitando-nos a procurar futuros alternativos para nossas práticas sociais.

R$ 47,00

Desencontros da modernidade na América Latina - literatura e política no século 19 Desencontros da modernidade na América Latina - literatura e política no século 19
Julio Ramos
Tradução: Rômulo Monte Alto
Área: Literatura - História
Coleção: Humanitas
2008. 348 p. ISBN: 978-85-7041-704-6

Este livro aborda com vigor e sensibilidade a relação entre literatura e política na América Latina, a partir da leitura das crônicas escritas pelo cubano Martí em Nova Iorque. Frente a um mundo que experimenta uma revolução tecnológica sem igual no século 19 e coloca em crise os valores que asseguravam o ordenamento estético e cultural da vida, o escritor é obrigado a reinventar seu lugar no mundo da racionalidade tecnológica e do mercado, apelando para o discurso da crise e da autonomia literária, no interior do jornal, que aparece como o refúgio possível onde poderá, enfim, se reencontrar com sua atividade criadora.

R$ 69,00

Conversações: de artes e de ciências Conversações: de artes e de ciências
Cássio E. Viana Hissa (org.)
Área: Ciência e arte
Coleção: Humanitas
2011. 315 p. ISBN: 978-85-7041-886-9

A escuta das diferentes vozes que compõem as conversações aqui reunidas em livro nos leva a compreender que o conhecimento é sempre incompleto e plural: feito de saberes diversos, diferentes tradições e experimentações, que podem se articular em busca de uma humanidade, uma solidariedade, que alivie o sujeito da solidão. Esta obra reúne textos de Cássio E. Viana Hissa, Adriana Melo, Alastair Richard Threlfall, André Velloso Batista Ferreira, Ângela Maria da Silva Gomes, Augustin de Tugny, Boaventura de Sousa Santos, Bruno Henrique Carvalho Maia, Carlos Walter Porto-Gonçalves, Dorrit Harazim, Fabiana Andrade Bernardes Almeida, Flora Sousa Pidner, Gilberto Gil, Gilsa Helena Barcellos, Gonçalo M. Tavares, Guilherme Ribeiro, Guto Lacaz, Jardel Sander, Jean-Louis Comolli, Leidimar Cândida dos Santos, Luis Alberto Brandão, Lucas Palladino, Maria Filomena Molder, Maria Luísa Magalhães Nogueira, Maria Teresa Franco Ribeiro, Milton Santos, Nil César, Paul Claval, Paulo César da Costa Gomes, Paulo Dimas Rocha de Menezes, Renata Marquez, Rodrigo Corrêa Teixeira, Romulo Avelar, Rosana Rios Corgosinho, Wellington Cançado.

R$ 58,00

O traço, a letra e a bossa: literatura e diplomacia em Cabral, Rosa e Vinicius O traço, a letra e a bossa: literatura e diplomacia em Cabral, Rosa e Vinicius
Roniere Menezes
Área: Literatura | Crítica
Coleção: Humanitas
2011. 320 p. ISBN: 978-85-7041-876-0

Este livro estabelece diálogos entre a produção artístico-literária dos escritores-diplomatas João Cabral de Melo Neto, João Guimarães Rosa e Vinicius de Moraes e o discurso das modernidades tardias no Brasil. Os textos analisados voltam-se para espaços periféricos e para o homem comum. A escrita diplomática, de caráter oficial, aproxima-se da escritura: discurso permeado pela transdisciplinaridade, pela imaginação estética e pelo cuidado ético.

R$ 53,00

Literatura de viagem na época de Dom João VI Literatura de viagem na época de Dom João VI
Günther Augustin Área: Estudos Literários | Descrições e viagens Coleção: Humanitas 2009. 250 p. ISBN: 978-85-7041-738-1

A viagem pelos rios Amazonas, Negro, Solimões e Japurá é uma viagem dentro da viagem quando os viajantes sentem o equilíbrio e a harmonia entre terra e sol. A partir dessa relação, Martius chega a refletir sobre a dominação, a submissão e a possibilidade da livre aceitação das leis naturais. Reconhecemos em alguns instantes elementos dos discursos da Europa civilizada, do encontro do Ocidente com o Oriente, da alma, do paraíso perdido, da terceira dimensão cósmica, do sagrado, da harmonia, do idealista, do moralista e do colonizador expansionista.

R$ 37,00

Ação afirmativa no ensino superior brasileiro Ação afirmativa no ensino superior brasileiro
Jonas Zoninsein; João Feres Júnior (Orgs.)
Área: Educação
Coleção: Humanitas
Co-edição: IUPERJ
2008. 350 p. ISBN: 978-85-7041-643-8 (Editora UFMG) e 978-85-98272-14-6 (IUPERJ)

Esse livro propõe um enfoque analítico e original sobre a experiência da ação afirmativa no ensino superior no Brasil. O objetivo principal dos autores é entender a natureza e o impacto dessa política, com o propósito de apresentar avaliações e propostas para o público, a sociedade civil, as autoridades universitárias e os responsáveis pela política educacional brasileira nos seus vários níveis. Essas avaliações e propostas têm como finalidade aumentar a eficiência da ação afirmativa e consolidá-la como política pública capaz de promover desenvolvimento e maior justiça em nosso país.

R$ 46,00

Poetas do Atlântico - Fernando Pessoa e o modernismo anglo-americano Poetas do Atlântico - Fernando Pessoa e o modernismo anglo-americano
Irene Ramalho Santos
Área: Literatura;
Coleção: Humanitas
2007. 421 p. ISBN: 978-85-7041-603-2

Fernando Pessoa (1888-1935) é, neste livro, posicionado num contexto literário transatlântico, apontando as ricas interconexões entre sua obra e as dos modernistas anglo-americanos, de Walt Whitman a Hart Crane e Adrienne Rich. A autora destaca Fernando Pessoa como a grande figura da tradição modernista e argumenta que não só os poetas anglo-americanos podem elucidar a obra do poeta português, mas também a poesia de Pessoa oferece compreensões recíprocas para as obras desses modernistas. Além disso, emprega uma série de conceitos derivados do escritor (desassossego, atlantismo e outros) para elucidar preocupações e características da moderna poesia anglo-americana.

R$ 15,00

O Congresso por ele mesmo: autopercepções da classe política brasileira O Congresso por ele mesmo: autopercepções da classe política brasileira
Timothy J. Power e Cesar Zucco Jr. (org.)
Área: Política
Coleção: Humanitas
2011. 319 p. ISBN: 978-85-7041-916-3

Entender a política brasileira requer entender o Congresso Nacional. O estudo do Congresso e de seus agentes, por sua vez, pode ser o ponto de partida para a análise de temas políticos que transcendem a dinâmica legislativa. O Congresso por ele mesmo apresenta, assim, a Pesquisa Legislativa Brasileira, que, em seis edições ao longo de 20 anos, registra a opinião dos membros do Congresso Nacional acerca de temas de grande relevância política. Trata-se de uma valiosa contribuição a todos os interessados na política brasileira.

R$ 46,00

A literatura dos escritores - questões de crí­tica genética A literatura dos escritores - questões de crí­tica genética
Louis Hay
Cleonice Mourão (Tradução)
Área: Letras;
Coleção: Humanitas
2007. 416 p. ISBN:978-85-7041-532-5

Os textos que constituem este livro são um convite ao estudo da crítica genética desde suas primeiras incursões nos anos 1960, sobre ensaios desconhecidos e textos inéditos que abrem o olhar sobre o século 20, permitindo, assim, a compreensão dos estudos de gênese por seu próprio método: gênese da genética, ilustrada pela primeira vez em seu percurso por estudos e inúmeros documentos. Ao mesmo tempo, configura-se como uma reflexão sobre a criação literária, pois métodos e técnicas encontram razão de ser aplicando-se, no terreno dos fatos, a algumas grandes interrogações – passagem do pensamento à escritura, da escritura à obra – e à interpretação de grandes produções francesas e estrangeiras do século 20.

R$ 20,00

Modernidades primitivas - tango, samba e nação Modernidades primitivas - tango, samba e nação
Florencia Garramuño
Tradução: Rômulo Monte Alto
Área: História e Crítica | Dança | Cultura
Coleção: Humanitas
2009. 219p. ISBN: 978-85-7041-801-6

Analisa como o primitivo e o moderno se entrelaçam no processo de conversão do tango e do samba em símbolos nacionais, na Argentina e no Brasil do começo do século 20. Analisando as redes de sentidos culturais elaboradas ao longo das histórias desses dois ritmos, o texto parte do princípio de que a cultura é um lugar de trânsito, feito de passagens e limiares, em que as identidades culturais respondem muito mais a processos, polêmicas e circunstâncias dinâmicas, do que a referências fixas. Daí sua inovadora perspectiva de entender esses processos culturais, ao reinseri-los na cadeia de acontecimentos que ocorriam naqueles anos de intensa modernização nos dois países vizinhos.

R$ 43,00

A difícil rota do desenvolvimento: empresários e agenda pós-neoliberal A difícil rota do desenvolvimento: empresários e agenda pós-neoliberal
Eli Diniz e Renato R. Boschi
Co-edição: IUPERJ
Área: Ciência Política
Coleção: Humanitas
2007 187 p. ISBN: 978-85-7041-616-2(Editora UFMG) e 978-85-98272-13-9 (IUPERJ)

Este livro trata do estudo do empresário industrial enquanto ator econômico e político nas etapas mais recentes do capitalismo brasileiro, caracterizadas pelo esgotamento do modelo nacional desenvolvimentista, em face das mudanças da ordem internacional, ocorridas nas décadas de 1980 e1990. Neste sentido, o foco das investigações concentrou-se na análise das formas de reação do empresariado diante do impacto das reformas orientadas para o mercado, que, ao lado da conquista da estabilização econômica, constituíram o traço marcante dos dois governos do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, entre 1995 e 2002. Retoma, assim, essa reflexão, procurando desvendar as percepções e atitudes do empresariado em relação ao primeiro governo Lula, em contraste com as mudanças operadas sob o governo de seu antecessor, que levaram os diferentes segmentos empresariais a um grande esforço adaptativo em termos de sua estrutura de representação de interesses e de suas formas de ação política.

R$ 10,00

O Eu nos Ensaios de Montaigne O Eu nos Ensaios de Montaigne
Telma de Souza Birchal
Apoio: Programa de Pós-Graduação em Filosofia - Posfil/UFMG
Área: Filosofia
Coleção: Humanitas
2007. 263 p. ISBN: 978-85-7041-601-8


Michel de Montaigne apresenta seus Ensaios como sendo uma pintura de seu autor “inteiro e nu”. A originalidade desse propósito assim como a do estilo de sua escrita fazem com que a obra possa ser objeto de diferentes olhares. Aqui, pretende-se ressaltar o Montaigne filósofo e, mais especificamente, situar seu pensamento no que podemos chamar de uma “história da subjetividade”. Distinto tanto da “alma” ou da “razão” dos antigos, tão próximas da divindade quanto do “eu penso” de Descartes, tão certo de si, o “eu” dos Ensaios traz uma figura da subjetividade marcada pela dúvida, pela cor.

R$ 35,00

Comunicação e experiência estética Comunicação e experiência estética
César Guimarães; Bruno Souza Leal; Carlos Camargos Mendonça (Org.)
Área: Comunicação;
Coleção: Humanitas
2006. 210 p. ISBN: 85-7041-529-X

Os textos aqui reunidos são guiados por dois gestos complementares: por um lado, recorrendo a diferentes matrizes teóricas, procuram definir os traços distintivos da experiência estética; por outro, investigam as modalidades de experiência originadas das interações comunicativas presentes na vida cotidiana, sem enquadrá-las unicamente no âmbito das relações entre os sujeitos e os produtos midiáticos. Portanto, ao promover a aproximação entre a reflexão atual sobre o campo específico da comunicação e as reivindicações de novos modelos de compreensão do fenômeno estético, busca diversificar o horizonte conceitual e analítico em torno da experiência estética e, nele, elaborar a contribuição própria de um “olhar comunicacional”.

R$ 37,00

Concepções contemporâneas da arte Concepções contemporâneas da arte
Luiz Nazario; Patrícia Franca (Org.)
Área: Artes;
Coleção: Humanitas
2006. 350 p. ISBN: 85-7041-581-8

O que constitui a pesquisa na área de artes? Este livro contribui com elementos importantes para responder a esta questão, apresentando textos de artistas, professores e pesquisadores. Esses ensaios, escritos de artistas e relatos de pesquisas comprovam a diversidade que é vivenciada no dia-a-dia da construção do conhecimento em artes, com a existência de uma rica variedade de abordagens. Certamente é uma obra que poderá contribuir para a discussão em arte e sobre arte no país.

R$ 15,00

Paulistas e emboabas no coração das Minas: idéias, práticas e imaginário político no século XVIII Paulistas e emboabas no coração das Minas: idéias, práticas e imaginário político no século XVIII
Adriana Romeiro
Área: História
Coleção: Humanitas
2008. 431p. ISBN: 978-85-7041-701-5

No ano de 1708, o sertão das Minas transformou-se no palco de uma luta armada entre paulistas e emboabas. Depois de anos de uma convivência tumultuada, pontilhada por incidentes violentos, não havia mais como adiar o confronto. De um lado, a imensa massa de forasteiros, saídos da Europa e das mais diferentes regiões do Brasil; de outro, os paulistas, considerados a gente mais bem treinada nas táticas da guerra brasílica, acostumados a enfrentar adversários formidáveis, como índios levantados e negros aquilombados. O desfecho dessa luta mudaria irreversivelmente os rumos da história das Minas Gerais e a geopolítica do Império português.

R$ 59,00

O retrato na rua - memórias e modernidade na cidade planejada O retrato na rua - memórias e modernidade na cidade planejada
Myriam Ávila
Área:Literatura Brasileira
Coleção: Humanitas
Apoio: Programa de Pós-Graduação em Letras – Estudos Literários (Pós-Lit)
2008. 230 p.

Memórias de belo-horizontinos e relatos de viajantes estrangeiros no Brasil são o ponto de partida para incursões nos temas da modernidade, alteridade e cultura, tratados de forma criativa, trazendo à cena nomes pouco freqüentados ou desconhecidos em diálogo com escritores brasileiros e estrangeiros, cuja literatura faz hoje parte do imaginário do cotidiano que nos circunda.

R$ 35,00

Cinco textos sobre arquitetura Cinco textos sobre arquitetura

Maria Lúcia Malard (Org.)
Área: Arquitetura
Coleção: Humanitas Pocket
2005 236 p. ISBN: 85-7041-468-4
A Arquitetura é conhecida e popularizada através da sua prática, ou seja, de seus objetos. Entretanto, tal prática é fruto de um esforço teórico — analítico e crítico — que, na maioria das vezes, não chega até o público. Os ensaios aqui apresentados trazem ao debate alguns aspectos relevantes da Arquitetura, na perspectiva analítica e crítica de cinco professores do Núcleo de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo da UFMG (NPGAU). O livro reúne textos de Carlos Antônio Leite Brandão, José dos Santos Cabral Filho, Maria Lúcia Malard, Silke Kapp e de Stéphane Huchet.

R$ 15,00

O Filósofo e o Comediante – Ensaios sobre literatura e filosofia na ilustração O Filósofo e o Comediante – Ensaios sobre literatura e filosofia na ilustração
Franklin de Matos
Coleção Humanitas.
Área: Filosofia.
2001. 267p. 15,5x22,5 ISBN 85-7041-244-4

O Filósofo e o Comediante mostra que o século XVIII não foi apenas o momento do desenvolvimento de uma filosofia voltada para as ciências e para a história, mas, sobretudo, o tempo de filósofos para os quais não existia uma fronteira rígida entre os diversos discursos, na avaliação do professor Newton Bignotto. O resultado é um painel rico de uma época que nos legou não apenas a confiança na razão, mas também a certeza de que a filosofia alargou seus horizontes ao partilhar seus problemas com a literatura e ao construir como campo de investigação autônomo aquele da estética.

R$ 37,00

Labirintos simétricos Labirintos simétricos
Autoras: Tania Quintaneiro e Márcia Gardênia Monteiro de Oliveira
Coleção: Humanitas Pocket
Área: Sociologia
2002 - ISBN: 85-7041-300-9

A amplitude e diversidade do trabalho teórico e empírico de Talcott Parsons fazem de sua obra uma referência obrigatória para as diversas áreas das ciências sociais, especialmente no estudo da sociedade capitalista contemporânea. Labirintos simétricos é um esforço de síntese que, numa linguagem simples, coloca ao alcance do leitor o essencial da complexa produção parsoniana.

R$ 27,00

Pensar a república. Pensar a república.
1ª reimpressão
Organizador: Newton Bignotto
Coleção: Humanitas
Área: Filosofia Política
2002. 250p. ISBN: 85-7041-155-1

Escritos numa perspectiva múltipla, os ensaios que compõem Pensar a República mostram, em sua pluralidade, o sentido moderno e contemporâneo da vivência política contido no interior da tradição republicana. Com base nesse ponto comum de observação estrategicamente escolhido, os autores discutem, a partir do termo república, tanto seu sentido técnico amplo, de comunidade política organizada, quanto seu ingrediente conceitual mais importante: a construção de princípios e de valores políticos por meio dos quais as pessoas que vivem em uma determinada sociedade agem e são inspiradas a agir.
Pensar a República reúne textos de Renato Janine Ribeiro, Sérgio Cardoso, Newton Bignotto, Marcelo Gantus Jasmin, Olgária Chain Féres Matos, José Murilo de Carvalho, Luiz Werneck Vianna, Maria Alice Rezende de Carvalho, Heloisa Maria Murgel Starling, Wander Melo Miranda.

R$ 40,00

O corpo do delito. Um manual O corpo do delito. Um manual

Autora: Josefina Ludmer
Tradução: Maria Antonieta Pereira
Coleção: Humanitas
Área: História e crítica
2002. 478 p. ISBN: 85-7041-314-9

Considerada uma das mais importantes críticas culturais da atualidade, Josefina Ludmer apresenta um inusitado panorama dos saberes, dos valores e das artes no mundo contemporâneo. Em O corpo do delito, a autora mostra como os processos de transgressão das leis sociais e lingüísticas constituem um importante motivo para a literatura e a cultura argentinas, enquanto espaço de mediação entre o cânone e as margens da cultura latino-americana.

R$ 47,00

Retorno ao Republicanismo Retorno ao Republicanismo

Organizador: Sérgio Cardoso
Coleção Humanitas
Área: Ciência Política
2004, 231 p. ISBN: 85-7041-418-8
Os vários trajetos percorridos neste livro, por seus autores, sob a inspiração do ideário republicano, procuram focalizar o mundo contemporâneo na perspectiva da perda, da ignorância e da exclusão social, mostrando os distanciamentos e as aproximações do regime especificamente republicano em relação aos princípios da democracia. Aqui são questionados os fundamentos das instituições representativas diante das novas exigências das chamadas minorias e do conceito de vontade popular, propondo um novo roteiro para a interpretação das nossas representações políticas. Este livro reúne textos de Newton Bignotto, Sérgio Cardoso, Dominique Leydet, Marilena Chauí, Olgária Chaim Féres Matos, Heloisa Maria Murgel Starling, Luiz Werneck Vianna e Maria Alice Rezende de Carvalho.

R$ 41,00

A propósito de águas virtuosas – formação e ocorrências de uma estação balneária no Brasil A propósito de águas virtuosas – formação e ocorrências de uma estação balneária no Brasil

Autor: Stelio Marras
Apoio: ANPOCS e Instituto Moreira Salles
Coleçâo: Humanitas
Área: História
2004 479 páginas ISBN: 85-7041-409-9
Pequenas cidades podem, pela caneta de um autor, tornar-se imensas. Esse é o caso de Poços de Caldas, estação balneária sul-mineira, na qual Stelio Marras apresenta o embate entre um mundo rústico e a modernidade dos costumes e da ciência; as águas sulfurosas e a farmacoterapia. Devido à sua escrita engenhosa e original, A propósito de águas virtuosas não cabe em fórmulas restritas. Com a minúcia de uma monografia antropológica, passa do parentesco à política, e desta à cosmologia, sob o rigor de uma análise histórica e sociológica que atravessa três séculos e enfrenta a mudança social, capturando a modernização em seus diferentes matizes. Ensaístico e literário, este livro, fruto da dissertação em Antropologia Social defendida pelo autor na USP, devolve às ciências sociais um pulsar intelectual há muito perdido.

R$ 50,00

Ao leitor sem medo - Hobbes escrevendo contra o seu tempo Ao leitor sem medo - Hobbes escrevendo contra o seu tempo

Renato Janine Ribeiro
Área: Filosofia Política 1999 - 2ª edição. 360 p. ISBN: 85-7041-168-5
Após 15 anos de seu lançamento, chega ao público a segunda edição de Ao leitor sem medo: Hobbes escrevendo contra seu tempo, numa versão que traz importantes modificações. Renato Janine Ribeiro faz um estudo rigoroso dos principais textos do filósofo inglês e do contexto no qual foram produzidos, entendido este como os eventos políticos maiores da época e também seus desdobramentos nos planos jurídico e institucional, nos quais são considerados os costumes, as artes, o imaginário religioso da época e a literatura. O resultado não é somente uma visão complexa da obra do filósofo, mas uma compreensão rica da própria vida política na modernidade.

R$ 10,00

Valores:   Arte, Mercado, Política Valores: Arte, Mercado, Política

Organizadores: Reinaldo Marques e Lúcia Helena Vilela
Coleção: Humanitas
Co-edição: Abralic
Área: Literatura comparada
2002. 198 p. ISBN: 85-7041-320-3

Os trabalhos reunidos nesse volume resultam de uma proposta da Associação Brasileira de Literatura Comparada (Abralic) de discutir o tema “Valores: Arte, Mercado, Política”, com o intuito de enfatizar o diálogo dos estudos literários com outros discursos. Cada ensaio estabelece os contornos de um enfoque crítico para o tema “Valores”, em suas articulações com o estético, o mercadológico e o político, abrindo um espaço instigante para as questões envolvidas nas trocas culturais no contexto da globalização. Em sua diversidade, os ensaios refletem não apenas os múltiplos enfoques da arte e da cultura, mas também as suas possíveis interfaces.

R$ 33,00

Tempo presente - do MDB a FHC Tempo presente - do MDB a FHC

Autor: Fábio Wanderley Reis
Coleção: Humanitas
Área: Ciência política
2002. 403p. ISBN: 85-7041-324-6

Os artigos presentes nesse livro, publicados em jornais brasileiros entre 1978 e 2001, dirigem-se aos eventos nacionais e mundiais do período. Eles recuperam as indagações da transição democrática e da derrocada socialista, analisam os problemas correntes da democracia brasileira e de sua eventual reforma, examinam a cena mundial globalizada e os desafios da identidade nacional e do drama social do país e avaliam o significado geral e diversos momentos e aspectos específicos dos dois governos de Fernando Henrique Cardoso, bem como figuras que a ele se opõem.

R$ 43,00

O cosmopolitismo do pobre -Crítica literária e crítica cultural O cosmopolitismo do pobre -Crítica literária e crítica cultural
Silviano Santiago
Área: Letras - Crítica Literária
Coleção: Humanitas
2004. 252 p. ISBN 85-7041-442-0
2008. 1ª Reimpressão

Políticas de globalização e identidade na cultura brasileira, relações entre cosmopolitismo e localismo na literatura e no cinema, a democratização no Brasil e a ascensão da cultura, o rodapé literário e o jornalismo contemporâneo, a leitura como forma de exercício da cidadania, a tradição literária brasileira e sua atualidade: estes são alguns dos temas tratados neste livro por Silviano Santiago, um dos mais influentes intelectuais brasileiros.

R$ 47,00

A revolução urbana A revolução urbana
Henri Lefebvre
Sérgio Martins; Margarida Maria de Andrade (Tradução)
Área: Sociologia;
Coleção: Humanitas
1999. 184 p. ISBN: 978-85-7041-195-2 2002, 2004, 2008 - Reimpressões

Destina-se a todos os que compreendem que a problemática do mundo ganhou um contorno urbano, independentemente da atuação em diferentes campos epistemológicos do conhecimento. Aqui, o urbano não se conceitua apenas através de conteúdos, mas define-se como forma, a forma urbana (mentalmente, a simultaneidade; socialmente, o encontro, a reunião). Lefebvre traz um novo enfoque sobre a cidade, concebendo-a como o reino da liberdade e do novo urbanismo. Em sua ótica, o urbano não representa apenas a transformação, pelo capitalismo, do espaço em uma mercadoria, mas também a arena potencial do cotidiano vivido como jogo, como festa.

R$ 41,00

Memórias videntes do Brasil - a obra de Pedro Nava Memórias videntes do Brasil - a obra de Pedro Nava

José Maria Cançado
Coleção Humanitas
Área: Literatura Brasileira
2003. 234 p. ISBN: 85-7041-376-9

Uma vidência da memória: é o que este livro — ele mesmo exercício não envergonhado de uma certa vidência da interpretação — recolhe na obra de Pedro Nava. Memória vidente, que não coincide com a mera reminiscência, mas que descobre e faz fremir, no vivido do Narrador e nos quadros da nossa formação histórica, os fantasmas irrefutáveis do que somos — uma ação póstuma da memória. Memórias videntes também de uma cultura, pois, o que sobrevém nessa ação póstuma das Memórias de Pedro Nava — Narrador meio xamã, cabulosa e compósita persona nossa, envultado de Mário de Andrade, do barroco ibero-americano, de Drummond, Rabelais, Caetano, Nabuco, Cartola, Gilberto Freyre, Sérgio Buarque, do mundo popular, de uma imaginação brasileira do mundo —, é uma imensa viagem estilística, cultural, civilizacional. Uma viagem identitária: a nossa. Este livro pretende ser um momento dela.

R$ 35,00

As funções da retórica parlamentar na Revolução Francesa – estudos preliminares para uma pragmática histórica do texto As funções da retórica parlamentar na Revolução Francesa – estudos preliminares para uma pragmática histórica do texto

Autor: Hans Ulrich Gumbrecht
Tradução: Georg Otte
Área: Letras (Retórica)
2003, 211p. ISBN: 85-7041-350-5

Divisor de águas da história ocidental, a Revolução Francesa não apenas mudou as formas de governar, mas inaugurou também a moderna retórica parlamentar. Partindo dos resultados teóricos da Estética da recepção e da Teoria das ações de linguagem, Hans Ulrich Gumbrecht apresenta os fundamentos de uma Pragmática textual histórica por meio de uma análise dos discursos dos grandes protagonistas da Revolução Francesa, tais como Mirabeau e Robespierre. Por meio de um estudo meticuloso dos recursos lingüísticos usados, o autor revela as especificidades comunicativas da retórica parlamentar, desmascarando assim o caráter coercitivo na formação da unanimidade e identidade política.

R$ 15,00

Trabalho - diálogos multidisciplinares Trabalho - diálogos multidisciplinares
Daisy Moreira Cunha; João Bosco Laudares (org.)
Área: Educação | Ciências Sociais
Coleção: Humanitas
2009. 239 p. ISBN: 978-85-7041-710-7

No contexto de descentralização do trabalho, este livro surge como uma proposta para a compreensão desse conceito e de suas transformações na contemporaneidade. As relações entre capital, valores e trabalho no mundo globalizado e no espaço da cidade são discutidas por especialistas das ciências sociais e humanas, a partir de tópicos como aspectos conceituais e informalidade do trabalho, políticas e trabalho na educação profissional e no trabalho docente.

R$ 35,00

O romance em Cornélio Penna O romance em Cornélio Penna
2ª edição revista e modificada
Luiz Costa Lima
Coleção: Humanitas
Área: Letras (crítica e interpretação)
2005 231p. ISBN: 85-7041-472-2

A reedição do livro de Luiz Costa Lima sobre a obra de Cornélio Penna, o mais completo estudo realizado sobre este escritor, coloca de novo em cena várias questões. Dentre elas, o estranho silêncio que continua a pesar sobre os textos do ficcionista; a qualidade excepcional de um romance como A menina morta; a persistência do fantasma da escravidão como “centro do pesadelo” que ainda nos assombra; a interlocução crítica especial que Cornélio Penna demanda e à qual Luiz Costa Lima responde com lucidez e sensibilidade interpretativa raras.

R$ 41,00

Universidade pública e inclusão social - experiência e imaginação Universidade pública e inclusão social - experiência e imaginação
Maria do Carmo de Lacerda Peixoto e Antônia Vitória Aranha (orgs.)
Área: Educação - Inclusão Social
Obra avulsa
2008. 280p. ISBN: 978-85-7041-600-1

Os artigos reunidos nesse livro foram apresentados no seminário “Universidade Pública e Inclusão Social - Experiência e Imaginação”, realizado na UFMG de 7 a 10 de novembro de 2006. Eles indicam o compromisso assumido pelo atual Reitorado desta Universidade com a reflexão em torno das experiências e procedimentos associados ao tema da democratização da universidade pública brasileira (ou da democratização do acesso na universidade pública brasileira).

R$ 37,00

Norma e conflito - aspectos da história de Minas no século XVIII Norma e conflito - aspectos da história de Minas no século XVIII
Laura de Mello e Souza
Área: História
Coleção: Humanitas
1999. 231 p. ISBN: 85-7041-170-7
2006 – 1ª reimpressão


Esta coletânea reúne escritos produzidos entre 1984 e 1998, todos referentes à pesquisa que Laura de Mello e Souza vem desenvolvendo sobre cultura e sociedade em Minas no decorrer do século XVIII. O livro está dividido em três partes. Da primeira, "Documentos", consta um antigo artigo publicado em 1984 e referente às devassas eclesiásticas, ou visitas pastorais depositadas no notável Arquivo Eclesiástico da Arquidiocese de Mariana. A segunda parte da coletânea, "Exercícios de História Social", é uma tentativa de ilustrar que a reflexão mais abrangente sobre os fenômenos sociais deve se apoiar no trabalho empírico, miúdo, detalhado e sempre revelador. A terceira parte, "Leituras", procura dar conta de livros recentes voltados para a história de Minas no século XVIII, que têm ajudado a reinterpretá-la.

R$ 37,00

Emoções e linguagem na educação e na política Emoções e linguagem na educação e na política
Emoções e linguagem na educação e na política Humberto Maturana
José Fernando Campos Fortes (Tradução)
Área: Filosofia;
Coleção: Humanitas
1998. 98 p. ISBN: 85-7041-152-9
1999, 2001, 2002, 2005. 2009.
ReimpressõesISBN: 978-85-7041-152-5

Best-seller no Chile, durante seu processo de reconstrução democrática, este livro traz algumas perguntas respondidas por Maturana em suas conferências: Que reflexões são necessárias quando se trata de construir alternativas políticas e sociais para um país? De que modo refletir sobre nossas emoções e nossa linguagem pode auxiliar na construção de relações humanas democráticas, centradas no respeito mútuo? Vale conferir!

R$ 27,00

A mobilidade das fronteiras - inserções da geografia na crise da modernidade A mobilidade das fronteiras - inserções da geografia na crise da modernidade
Cássio Eduardo Viana Hissa
Área: Geografia - Ciências Humanas
Coleção: Humanitas
2002. 322 p. ISBN: 85-7041-289-4
2006 – 1ª reimpressão

O conjunto de ensaios reunidos neste livro tem a marca da multiplicidade, que se apresenta sob a forma de crítica às tradições, às vozes, aos olhares, às fronteiras interdisciplinares. Neste livro, são questionadas as “tradições de fronteira”, próprias da modernidade. O autor oferece um fio condutor instigante para se pensar a geografia, um saber de conexões como os demais. Por sua abordagem, esta obra ultrapassa as fronteiras da geografia e interessa particularmente às ciências humanas e áreas afins.

R$ 15,00

Ora (direis) puxar conversa! Ora (direis) puxar conversa!
Silviano Santiago
Área: Literatura
Coleção: Humanitas
2006 376 p. ISBN: 85-7041-462-5


Os ensaios reunidos em Ora (direis) puxar conversa! reforçam a dissonância como resultado da exigência teórica dos diferentes textos analisados, o que enriquece a leitura e desafia o bom comportamento da crítica ortodoxa. Lolitas são transportadas da literatura para os noticiários jornalísticos, ao se constatar a ficção operando na vida. Novas estéticas se redesenham pelo olhar desconstrutor frente a interpretações congeladas pela tradição. O teor sofisticado do enfoque se produz pela visão em perspectiva das obras, pelo abandono da leitura exclusiva do objeto e o endosso da articulação contrastiva entre autores e textos.

R$ 57,00

O poder no pensamento social - dissonâncias O poder no pensamento social - dissonâncias
Renarde Freire Nobre (org.)
Área: Sociologia | Ciência Política
Coleção: Humanitas
Apoio: Programa de Pós-Graduação em Sociologia da UFMG/Capes
2008. 178 p. ISBN: 978-85-7041-694-0

Como sugere o subtítulo da obra, a idéia de "dissonâncias" explicita que, mais do que tratarmos de um tema vital no pensamento social, o que interessa é apreendê-lo conforme se apresenta no interior do corpus teórico mais geral: com constância marcada por multiplicidade conceitual, variação analítica, inconsistências empíricas e conflitos interpretativos. Podemos dizer que, provavelmente, a unidade do livro é uma aposta na riqueza interpretativa e na – sempre possível – abertura de diálogos mais criativos provocados pelas diferenças.

R$ 32,00

Alexis de Tocqueville - a historiografia como ciência da política Alexis de Tocqueville - a historiografia como ciência da política
Marcelo Gantus Jasmin
2ª edição
Coleção: Humanitas
Área: Ciência Política
Co-edição: IUPERJ
2005 305p. ISBN: 85-7041-484-6 (Editora UFMG) e 85-98272-04-3(IUPERJ)


A democracia de massas, ao deixar predominar o individualismo e os interesses privados sobre a política e a cidade, transforma o Ocidente na morada da

R$ 15,00

Ensaios de Sociologia – teoria e pesquisa Ensaios de Sociologia – teoria e pesquisa

Autor: José Maurício Domingues
Coleção: Humanitas
Área: Sociologia
2004 262p. ISBN: 85-7041-410-2
Neste livro, José Maurício Domingues – professor do IUPERJ, pesquisador internacionalmente reconhecido e autor de diversos livros – propõe uma perspectiva que se quer inovadora, na confluência do movimento de síntese teórica que inclui Habermas, Giddens e Bourdieu. Para tanto, por meio do conceito de subjetividade coletiva e da identificação de uma fase específica da civilização moderna, introduz uma inflexão própria e particular nesse movimento. Materiais até então dispersos em periódicos e livros, alguns apenas em língua estrangeira e de acesso nem sempre fácil, foram aqui reunidos de modo a propiciar uma visão abrangente de um trabalho de pesquisa em teoria social, em particular sociológica, que vem se desenvolvendo desde fins dos anos 1980.

R$ 38,00

A geografia do crime - violência nas Minas Setecentistas A geografia do crime - violência nas Minas Setecentistas

Carla Maria Junho Anastasia
Área: História
Coleção: Humanitas
2005 173 páginas ISBN: 85-7041-440-4

.Nesse livro, Carla Maria Junho Anastasia realiza um empreendimento audacioso e inovador ao relacionar, nos quatro estudos aqui apresentados, a ineficiência da política institucional à freqüente ocorrência da violência nas Minas Setecentistas. Ao utilizar matrizes conceituais da Ciência Política com o campo historiográfico, a autora só faz enriquecer sua análise, transformando a história dessa forma, em algo além de uma simples crônica de costumes.

R$ 43,00

Universidade e democracia: experiências e alternativas para a ampliação do acesso à Universidade pública Universidade e democracia: experiências e alternativas para a ampliação do acesso à Universidade pública

Organizadora: Maria do Carmo de Lacerda Peixoto
Coleção: Humanitas
Área: Sociologia /Educação
2004 199 p. ISBN: 85-7041-432-3
A Universidade Pública pode contribuir, efetivamente, para estender a camadas mais amplas da população do País os benefícios decorrentes da educação superior, como parte das condições de possibilidade de inserção cidadã dos indivíduos na sociedade. A preservação da autonomia e diversidade — de perfis e inserção social — desta Instituição requer a utilização de instrumentos diversificados de democratização do acesso, o que se evidencia nos textos ora apresentados. O livro reúne textos de Fábio Wanderley Reis, Carlos Lessa, Nilma Lino Gomes, Carlos Roberto Antunes dos Santos, Wrana Maria Panizzi, Nilcéia Freire, Maria Lúcia Cavalli Neder, Alex Bolonha de Mello, Paulo Jorge Sarkis, Sônia Teresinha de Sousa Penin, Américo Tristão Bernardes, José Francisco Soares, Antônio Emílio Angueth Araújo, Maria do Carmo de Lacerda Peixoto, Mauro Mendes Braga e Ricardo Fenati. Prefácio de Ana Lúcia Almeida Gazzola, reitora da UFMG.

R$ 10,00

Republicanismo e realismo – um perfil de Francesco Guicciardini Republicanismo e realismo – um perfil de Francesco Guicciardini
Newton Bignotto
Área: Filosofia
Coleção: Humanitas Pocket
2006 221 páginas ISBN: 85-7041-520-6

No pensamento de Guicciardini, o realismo das análises políticas se mistura com a crença nos valores republicanos da liberdade, da igualdade entre os cidadãos e na importância da participação na vida pública.
Servindo-se dos acontecimentos mais importantes do Renascimento italiano para estudar a política e combinando esse esforço com a observação penetrante da natureza humana, o filósofo florentino nos legou uma obra de raro vigor teórico e de grande atualidade para o momento atual.

R$ 10,00

Rebeldes literários da República - história e identidade nacional no Almanaque Brasileiro Garnier (1903-1914) Rebeldes literários da República - história e identidade nacional no Almanaque Brasileiro Garnier (1903-1914)
Eliana de Freitas Dutra
Coleção: Humanitas
Área: História do Brasil
2005 277 p. ISBN: 85-7041-481-1

O Almanaque Brasileiro Garnier (1903-1914), com o seu projeto pedagógico e temas nele apresentados, contribuiu para a difusão do hábito de leitura no Brasil no início do século XX. A partir de um estudo sobre a literatura dos almanaques, Eliana Dutra analisa os conflitos e tensões que repercutiram no interior de um projeto nacional para o Brasil, permitindo ao leitor aprimorar, de forma saborosa, o conhecimento sobre a historiografia nacional.

R$ 15,00

As filosofias de Schelling As filosofias de Schelling

Fernando Rey Puente e Leonardo Alves Vieira (org.)
Coleção: Humanitas
Área: Filosofia
2005 288 p. ISBN: 85-7041-439-0
Esse livro apresenta pesquisas sobre as diferentes fases do pensamento de Schelling realizadas por estudiosos brasileiros e estrangeiros. Com essa publicação, os organizadores pretendem não só estimular o estudo da obra desse filósofo, considerada por Tilliete como uma filosofia em devir, mas também incentivar o debate sobre a grande variedade de paradigmas adotados por Schelling.

R$ 41,00

Sentimentos do mundo - Ciclo de conferências dos 80 anos da UFMG Sentimentos do mundo - Ciclo de conferências dos 80 anos da UFMG
Heloisa Maria Murgel Starling; Sandra Regina Goulart Almeida (org.)
Área: Ciências Sociais
Coleção: Humanitas
Apoio: Fapemig
2009. 215p. ISBN: 978-85-7041-693-3

Esse livro abarca várias áreas do conhecimento e reflete a tradição inovadora da UFMG, sempre atenta à convergência de saberes múltiplos. Os textos aqui reunidos – de Beatriz Sarlo, Bernardo Carvalho, Boaventura de Sousa Santos, Carlos Antônio Leite Brandão, Dorila Pilo Veloso, Fabio Jota, Fernando Galembeck, Gregory Pence, Heloisa Maria Murgel Starling, José Renan da Cunha Melo, Leonardo Avritzer, Karl Johan Åström, Mia Couto, Sandra Almeida e Wander Melo Miranda – possibilitam essa confluência de conhecimentos.

R$ 35,00

Literatura/política/cultura Literatura/política/cultura
Izabel Margato e Renato C. Gomes (orgs.)
Área: Literatura
Coleção: Humanitas
2006 .360 p. ISBN: 85-7041-499-4


Reúne formulações críticas acerca da literatura, da política e da cultura, apresentando textos de António Pinto Ribeiro, Augusto Santos Silva, Cleonice Berardinelli, Danilo Marcondes, Eduardo Prado Coelho, Eneida Bomfim, Eneida Leal Cunha, Eneida Maria de Souza, Fernando Rosas, Francisco Noa, Isabel Pires de Lima, Izabel Margato, João Luiz Vieira, Jorge Fernandes da Silveira, Laura Cavalcante Padilha, Luís Adão da Fonseca, Luiz Fernando Ramos, Maria Fernanda Abreu, Pedro Brum dos Santos, Renato Cordeiro Gomes, Vera Lúcia Follain de Figueiredo e Wander Melo Miranda.

R$ 15,00

Modernismo Localista das Américas Modernismo Localista das Américas
Os contos de Faulkner, Guimarães Rosa e Rulfo Paulo Moreira Área: Crítica e interpretação
Coleção: Humanitas
344 p. ISBN: 978-857-041-925-5
Dimensões: 22,5 x 15,8
Peso: 520 gramas

Numa perspectiva comparativa, este livro articula as noções de conto, localismo e estética narrativa moderna a fim de examinar as obras de Faulkner, Guimarães Rosa e Rulfo. A partir de uma abordagem minuciosa de 15 histórias que compõem uma magnífica antologia imaginária, reflete sobre como autores decisivos da literatura das Américas contribuíram para o desenvolvimento da narrativa no século XX.

R$ 62,00

Lévi-Strauss - leituras brasileiras Lévi-Strauss - leituras brasileiras
Ruben Caixeta de Queiroz; Renarde Freire Nobre (org.)
Área: Antropologia | Filosofia (Estruturalismo)
Coleção: Humanitas
2008. 327p. ISBN: 978-85-7041-685-8

Em 2008 faz cem anos do nascimento de Lévi-Strauss, e a importância do seu pensamento renasce quase meio século após seu apogeu inicial – os anos de ouro do estruturalismo. Este livro reúne textos produzidos por expressivos pesquisadores e intérpretes brasileiros do seu pensamento, alguns com sólida projeção internacional. São diferentes perspectivas de apreensão de importantes conceitos e estudos contidos na vasta obra do grande pensador francês. Leituras brasileiras que mostram o quanto, por aqui, há de esforço em lê-lo de modo original, sutil.

R$ 58,00

O visível e o inteligível – Estudos sobre a percepção e o pensamento na filosofia grega antiga O visível e o inteligível – Estudos sobre a percepção e o pensamento na filosofia grega antiga
Miriam Campolina Diniz Peixoto, Marcelo
Pimenta Marques, Fernando Rey Puente
Área: Filosofia antiga | Percepção
2012. 151 p. ISBN: 978-85-7041-934-7
Coleção: Humanitas
Dimensão: 22,50 x 15,50
Peso: 250 gramas

O presente livro reúne textos de três especialistas em Filosofia Antiga que tratam da questão do conhecimento perceptivo e intelectivo na Antiguidade. Procuram apresentar, em suas diferentes análises, a complexa inter-relação entre a percepção e o pensamento em autores antigos, como Heráclito, Parmênides, Demócrito, Platão e Aristóteles. O objetivo dos ensaios é expor que a esfera do visível – a dimensão do conhecimento perceptivo – interage com a do invisível – o domínio da razão e do pensamento –, não havendo uma cisão radical desses dois âmbitos, ainda que eles sejam claramente distintos.

Orelha: A distinção entre o visível e o inteligível é um tópos recorrente em diversos pensadores antigos. Os autores Miriam Campolina Diniz Peixoto, Marcelo Pimenta Marques e Fernando Rey Puente analisam mais detidamente como essa oposição se apresenta em diferentes obras específicas, a fim de mostrar que, embora distintos, os domínios cognitivos da percepção e do pensamento não podem ser tratados dicotomicamente. Os textos aqui reunidos visam, pois, mostrar a interação efetiva entre o conhecimento perceptivo e o intelectivo em alguns dos mais significativos pensadores da Antiguidade. A pluralidade de autores analisados e o diferente modo de estudá-los são o indício de uma atividade de pesquisa coletiva coesa, mas ciosa das diferentes abordagens metodológicas, bem como das diversas reconstruções individuais dos filósofos antigos por parte desses pesquisadores.

MIRIAM CAMPOLINA DINIZ PEIXOTO é doutora em Filosofia pela Université Marc Bloch e professora de Filosofia a da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Organizadora do livro A saúde dos antigos: reflexões gregas e romanas (2009). MARCELO PIMENTA MARQUES é doutor em Filosofia pela Université Marc Bloch e professor de Filosofia da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Autor de O caminho poético de Parmênides (1990) e de Platão, pensador da diferença (2006). FERNANDO REY PUENTE é doutor em Filosofia pela Universidade Estadual de Campinas e professor de Filosofia da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Autor de Os sentidos do tempo em Aristóteles (2001) e Ensaios sobre o tempo na filosofia antiga (2010).

R$ 32,00

Literatura e Revolução Literatura e Revolução
Izabel Margato, Renato Cordeiro Gomes (organizadores)
Área: Literatura | História
Coleção: Humanitas
2012. 224 p. ISBN: 978-85-7041-935-4
Dimensão: 22,40 x 15,50
Peso: 340 gramas

Este livro reúne textos que buscam abarcar novas dimensões dialógicas capazes de estimular reflexões produtivas acerca do lugar da revolução na cena intelectual do século XX. As formulações críticas e teóricas aqui reunidas privilegiam os modos de pensar e de promover a literatura como parte de processos revolucionários voltados para a valorização da heterogeneidade em meio à massificação. As relações entre a experiência estética contemporânea e as tarefas éticas e políticas da arte são tópicos fundamentais nesta obra. Assim, a revolução surge, principalmente, no olhar atento sobre a marca da escrita, sobre a precisa beleza da palavra que se ­ fixa e que se impõe lentamente almejando a libertação de sentidos prévios.

R$ 45,00

Crime e Cidades Crime e Cidades
Claudio Beato
Área: Criminalidade urbana | violência
Coleção: Obra Avulsa
2012. 291 p. ISBN: 978-85-7041-914-9
Dimensão: 22,90 x 16,90
Peso: 550 gramas

Este livro abordará as interconexões entre crime, políticas públicas e organizações policiais em ambientes urbanos e os dados e indicadores necessários para a compreensão dessas dimensões. O Brasil é um país urbano. Há 60 anos apenas, 31% da população vivia nas cidades. Hoje, são mais de 83% vivendo nos centros urbanos. Mais de 104 milhões de brasileiros vivem em cidades com mais de 100 mil habitantes. São inúmeros os problemas que esse tipo de sociedade enfrenta. Este texto lidará com alguns aspectos perversos, mas inseparáveis do desenvolvimento das cidades, especialmente no formato que ele adquiriu nas grandes cidades latino-americanas, dominadas pela ocupação informal de largas parcelas dos territórios urbanos e pela rarefação de mecanismos de controle social, especialmente nas periferias.

R$ 60,00

Retratos antigos (esboços a serem ampliados) Retratos antigos (esboços a serem ampliados)
Elisa Lispector
Nádia Battella Gotlib (org.)
Área: Autobiografia
2012. 143 p. ISBN: 978-85-7041-938-5
Obra Avulsa
Dimensão: 24,50 x 17,40
Peso: 450 gramas

Em Retratos Antigos, Elisa Lispector revisita o passado e refaz o percurso dos seus ancestrais através de fotos de família. A autora, então no momento de plena maturidade, escreve a história da família Lispector, evocando valores e costumes desse grupo de trabalhadores rurais e de comerciantes. O texto possui 28 laudas datilografadas e revistas e demonstra intenção da autora de dar prosseguimento aos relatos. Por isso o subtítulo Esboços a serem ampliados. Elisa faleceu em 1989 e o livro, que agora se publica, aguardou 22 anos para vir a público.

R$ 85,00

Amazônia: As vozes do rio Amazônia: As vozes do rio
Amazônia: As vozes do rio
Ana Pizarro
Tradução: Rômulo Monte Alto
Área: História
Coleção: Humanitas
2012. 271 p. ISBN: 978-85-7041-902-6
Dimensão: 22,50 x 15,50
Peso: 460 gramas
Acompanha DVD ROM
Preço: R$72,00

Ana Pizarro realiza um estudo abrangente sobre a ocupação simbólica da Amazônia, desde a época de seu descobrimento até o período contemporâneo, identificando as principais narrativas que se construíram sobre esse espaço, ao mesmo tempo que o construíam como palco privilegiado para as demandas da imaginação europeia sobre o Novo Mundo. A autora, talvez uma das últimas remanescentes da linhagem de construtores que realizaram grandes leituras sobre o continente latino-americano, como Ángel Rama, Antonio Candido e Darcy Ribeiro, revela sua habilidade no manejo das leituras, erigindo um imenso quadro pan-ótico das figuras míticas criadas pelas narrativas na região amazônica. Uma obra que transcende os limites disciplinares em sua abordagem e revela a riqueza e complexidade de um território ainda por se conhecer.

R$ 72,00

A Construção Social da Subcidadania – Para uma sociologia política da modernidade periférica A Construção Social da Subcidadania – Para uma sociologia política da modernidade periférica
Jessé Souza
2003 – 1ª edição. 2006 – 1ª reimpr.
2012 – 2ª Ed.
207 p. ISBN: 978-85-7041-924-8
Área: Sociologia política
Dimensão: 22,30 x 15,50
Peso: 325 gramas
Coleção: Humanitas

Pretende ser uma alternativa teórica às questões centrais da reflexão sobre a singularidade de sociedades periféricas como a brasileira, abordando os temas da subcidadania, da naturalização da desigualdade e da singularidade do processo de modernização entre nós. O objetivo é elaborar uma concepção teórica alternativa, tanto em relação às abordagens personalistas, patrimonialistas e “hibridistas” destes fenômenos, quanto em relação às percepções conjunturais e pragmáticas que perdem o vínculo com qualquer realidade mais ampla e totalizadora.

R$ 38,00

Mulheres e Militância: Encontros e confrontos durante a ditadura militar Mulheres e Militância: Encontros e confrontos durante a ditadura militar
Ingrid Faria Gianordoli-Nascimento
Zeidi Araujo Trindade
Maria de Fátima de Souza Santos
Área: Psicologia Social | Brasil - História
Coleção: Humanitas
2012. 388 p. ISBN: 978-85-7041-957-6
Dimensão: 22,5 X 15,5
Peso: 630 gramas

O livro, baseado em entrevistas e em uma abordagem psicossocial, reconstitui a trajetória de grupos de jovens mulheres presas e torturadas pelo regime instalado com o Golpe Militar de 1964. Ao se valer do conceito de Identidade Social, a análise das narrativas de experiências atrozes articula memória coletiva e memória individual, história política e história de gênero, militância política e identidade feminina, trazendo novos e imprescindíveis elementos para a compreensão do período nefasto da história brasileira contemporânea.

R$ 46,00

Estâncias: A palavra e o fantasma na cultura ocidental Estâncias: A palavra e o fantasma na cultura ocidental
Giorgio Agamben
Tradução de Selvino José Assmann
Área: Filosofia
Coleção: Humanitas
2007 - 1ª edição. 2012 - 1ª reimpressão.
263 p. ISBN: 978-85-7041-573-8
Dimensão: 22,0 X 15,0
Peso: 430 gramas

A partir da questão do lugar próprio dos produtos do fazer humano, este livro propõe a reconstrução de quatro momentos fundamentais da cultura europeia: a teoria do fantasma na poesia de amor do século XIII; o conceito de melancolia, desde os pais da Igreja até Freud; a obra de arte frente ao domínio da mercadoria; a forma emblemática, desde o século XVI até o nascimento da semiologia. A pesquisa une a devoção filológica pelos detalhes, típica da escola de Warburg, a uma concepção da crítica inspirada em Walter Benjamin e que, numa perspectiva interdisciplinar, vai da filosofia de Averróis à poesia de Baudelaire, de Cavalcanti a Saussure e da medicina medieval a Lacan.

R$ 45,00

Walter Benjamin Walter Benjamin
Rastro, aura e história
Sabrina Sedmayer e Jaime Ginzburg (organizadores)
Área: Crítica e interpretação
Coleção: Humanitas
2012. 323 p. ISBN: 978-85-7041-973-6
Dimensão: 22,5 x 15,50
Peso: 490 gramas

As ideias de Walter Benjamin são encontradas, atualmente, em pesquisas e debates de diversas áreas de conhecimento. Três categorias centrais de seu pensamento – rastro, aura e história – são examinadas neste livro, em ensaios que fomentam as reflexões relativas à memória e ao passado. Em tempos marcados por políticas de esquecimento, essa discussão revela-se extremamente necessária.

R$ 54,00

As Nações Desunidas: práticas da ONU e a estruturação do Estado em Timor-Leste As Nações Desunidas: práticas da ONU e a estruturação do Estado em Timor-Leste
Kelly Cristiane da Silva
Área: Timor-Leste Política e Governo | Antropologia
Coleção: Humanitas
2012. 455 p. ISBN: 978-85-7041-967-5
Dimensão: 22,3 X 15,3 cm
Peso: 665 g
Preço: R$ 62,00

Este livro é um exemplo de como a antropologia pode entrar em debates mais típicos de outras disciplinas e dar uma contribuição única e altamente enriquecedora. A independência de Timor-Leste propiciou a oportunidade para a autora presenciar e estudar etnograficamente a construção de um Estado Nacional. O resultado é um trabalho de interesse não apenas para os estudiosos do Estado, mas também para aqueles que se dedicam à compreensão dos processos de globalização e de desenvolvimento com suas diferentes agências, agendas, contradições e capacidades de intervenção em realidades locais. Não tenho dúvida de que o livro será útil e indispensável para todos aqueles que desejam entender processos reais de construção de um novo Estado Nacional no mundo contemporâneo.

R$ 62,00

Novos realismos Novos realismos
Izabel Margato, Renato Cordeiro Gomes (org.)
Área: Realismo na literatura | Realismo na arte
Coleção: Humanitas
2012. 302 p. ISBN: 978-85-7041-960-6
Dimensão: 22,5 X 15,5 cm
Peso: 450 g

Esta obra coloca em questão o conceito de realismo por meio de suas reelaborações e desdobramentos contemporâneos. Nos diversos textos que a compõem são apresentadas e discutidas as novas configurações, de feição realista, que caracterizam uma série de obras da segunda metade do século XX e do início do século XXI, possibilitando que se vislumbre um painel renovado da arte atual articulada às diferentes abordagens dessa tradição.

R$ 48,00

Entrenotas Entrenotas
Compreensões de pesquisa
Cássio E. Viana Hissa
Área: Ensaios

Coleção: Humanitas 197 p. ISBN: 978-857-041-993-4
Dimensões: 22,5 x 15,5
Peso: 320 gramas

Este livro não constitui um manual, mas leitura estimulante que orienta a estruturação não convencional de projetos e de pesquisas. Trata-se de crítica propositiva ao padronizado modo de fazer ciência, aos métodos que subtraem a criatividade, aos caminhos previsíveis na produção do conhecimento. A delicadeza imaginativa desta obra ensaística é de interesse de um público diverso – das mais variadas áreas do conhecimento, no âmbito da graduação e da pós-graduação – envolvido com a produção do saber que se quer distante do que é repetição comum.

R$ 37,00

Figuras da violência: ensaios sobre narrativa, ética e música popular Figuras da violência: ensaios sobre narrativa, ética e música popular
Idelber Avelar
Área: Literatura
Coleção: Humanitas
2011. 268 p. ISBN: 978-85-7041-908-8

Figuras da violência trata de temas crucialmente importantes – violência, tortura, a verdade e a guerra –, na medida em que foram objetos de escrutínio na literatura, ética, música, filosofia e teoria política contemporâneas. Tomando como ponto de partida a história e a literatura latino-americanas recentes, Idelber Avelar vai além do cenário regional e analisa os vínculos entre as instâncias jurídica, política, literária e retórica da violência. Rejeitando explicações funcionalistas ou baseadas em modelos de causa e efeito, Avelar debate questões levantadas por Derrida, Virilio, Scarry, Nussbaum, Borges e Benjamin, entre outros. A amplitude e a profundidade de visão fazem deste livro uma leitura essencial para nosso tempo. Jean Franco

R$ 42,00

Comportamento eleitoral e comunicação política na América Comportamento eleitoral e comunicação política na América
Helcimara Telles, Alejandro Moreno
Área: Comunicação | Política
Coleção: Humanitas
2013. 586 p. ISBN:978-85-7041-995-8
Dimensão: 22,5 X 15,5 x 3,0
Peso: 840 gramas

As particularidades e as afinidades entre o comportamento dos eleitores latino-americanos e o dos eleitores europeus e norte americanos são ressaltadas neste livro. Os textos abarcam reflexões sobre velhos e novos temas da América Latina, tais como o uso da internet e redes sociais nas eleições, a cobertura política da mídia, a corrupção, o voto econômico e as campanhas eleitorais, o que lhes confere uma incontestável atualidade.

R$ 75,00

Modernidade global e civilização contemporânea Modernidade global e civilização contemporânea
Para uma renovação da teoria crítica
José Maurício Domingues
Área: Sociologia
Coleção: Humanitas
2013. 442 p. ISBN: 978-85-423-0047-5
Dimensões: 22,5 X 15,5 X 2,3
Peso: 640 gramas
Preço: R$ 65,00

Modernidade global e civilização contemporânea é uma obra de teoria social crítica sobre a modernidade global, que busca reorientar essa perspectiva em direção mais empírica e histórica. Concentra-se na semiperiferia e na periferia e vincula-se à crítica imanente que tem como seu pano de fundo as promessas feitas em nome da modernidade, mas não realizadas. É preciso, porém, observar: a teoria crítica é vista de modo ecumênico, tentando-se também um diálogo com concepções que não são inteira ou diretamente tributárias da modernidade.

R$ 65,00

Estradas da Vida Estradas da Vida
Terra e trabalho nas fronteiras agrícolas do Jequitinhonha e Mucuri, Minas Gerais
Eduardo Magalhães Ribeiro
Área: História
Coleção: Humanitas
2013. 348 p. ISBN: 978-85-7041-986-6
Dimensão: 22,5 X 15,5 X 1,9
Peso: 500 gramas

Este livro analisa a história do trabalho e da terra nos vales dos rios Jequitinhonha e Mucuri, nordeste de Minas Gerais, entre os começos do século XIX e meados do XX. Nesse período, os recursos da Mata Atlântica nortearam a trajetória de índios, aventureiros, camponeses, deserdados, agregados e fazendeiros, que deixaram para trás terras perdidas ou esgotadas e seguiram a estrada da fronteira agrícola em busca de abundância, riqueza e liberdade.Os deslocamentos de lavradores para abrir matas, a guerra aos índios e as relações entre fazendeiros e agregados fizeram parte dessa aventura, que permaneceu viva nas lembranças do aldeamento, da posse e da fazenda.

R$ 56,00

Ángel Rama<br>Um transculturador do futuro Ángel Rama
Um transculturador do futuro

Flávio Aguiar, Joana Rodrigues (Org.) Área: História | Crítica
Coleção: Humanitas
2013. 164 p. ISBN: 978-85-423-0002-4
Dimensão: 22,3 X 15,4 X 0,9
Peso: 250 gramas

A “América Latina” existe ou não existe? É um mosaico de culturas dispersas ou tem uma vivência comum, dentro do arco de suas diferenças, espelhada em suas artes, literaturas e buscas intelectuais? A essas perguntas o ensaísta, professor e escritor uruguaio Ángel Rama deu respostas extremamente originais. Contribuiu de modo decisivo para situar o Brasil dentro do concerto e desacerto latino-americanos. Num momento em que começava a se esboçar a moldura de teses como a de que a história “acabara”, ele abriu o conceito de “América Latina” para o futuro, vendo-o como um projeto a construir, além de uma consciência histórica a resgatar. Esses e outros temas fundamentais de nosso tempo e de nossas sociedades são as balizas dos ensaios e depoimentos contidos neste livro.

R$ 38,00

A Conveniência da cultura<br>Usos da cultura na era global A Conveniência da cultura
Usos da cultura na era global

George Yúdice
Área: Cultura | Globalização
Coleção: Humanitas
2013. 651 p. 2ª Edição. ISBN:978-85-423-0021-5
Dimensão: 22,5 X 15,5 x 3,5
Peso: 920 gramas

O livro de George Yúdice de­monstra mais claramente do que qualquer outro que eu conheço a profundidade com que a cultura é hoje, na era da globalização, inextricavelmente entremeada em circuitos econômicos e regi­mes políticos. Sua estimulante análise da função da cultura em diversos contextos das Américas fornece-nos um novo e rico mo­delo para os estudos culturais. Michael Hardt

R$ 68,00

Comunistas brasileiros<br>Cultura política e produção cultural Comunistas brasileiros
Cultura política e produção cultural

Marcos Napolitano, Rodrigo Czajka, Rodrigo Patto Sá Motta
Área: Cultura polícia | História
Coleção: Humanitas
2013. 362 p. ISBN:9788570419989
Dimensão: 22,5 X 15,5 x 2,5
Peso: 630 gramas

Esta coletânea representa proposta inovadora, ao reunir textos que abordam o tema do comunismo por viés ainda pouco explorado na literatura acadêmica, enfocando-o como cultura política e como agência produtora de cultura. A motivação é oferecer melhor entendimento dos elementos constituintes da cultura comunista, cujos valores e ideias circularam para além dos espaços tradicionais da esquerda, fornecendo temas e argumentos para os agentes produtores de cultura, assim como inspirando determinadas políticas culturais. Pretende-se, desse modo, avaliar a força de atração e a capacidade de reprodução da cultura comunista, decisiva para a compreensão da modernidade cultural e política brasileira.

R$ 58,00

Constituições Nacionais e povos indígenas Constituições Nacionais e povos indígenas
Acilda Rita Ramos (org.)
Área: Ciências sociais
Coleção: Humanitas
2012. 238 p. ISBN: 978-85-7041-968-2
Dimensão: 22,30 x 15,50
Peso: 360 gramas

Nas últimas décadas do século XX, diversos países das Américas promoveram mudanças constitucionais que afetaram a vida e os direitos dos seus povos indígenas. Esta coletânea reúne textos de dez autores que analisam tais mudanças em cinco países da América do Sul. Entre os autores, cinco são pensadores indígenas e cinco são antropólogos e juristas não indígenas, todos profundamente engajados na defesa dos direitos étnicos em seus países.

R$ 40,00

O gênio não original Poesia por outros meios no novo século O gênio não original Poesia por outros meios no novo século
Marjorie Perloff
Área: Crítica e interpretação
Coleção: Humanitas
2013. 314 p. ISBN: 978-85-423-0048-2
Dimensões: 22,5 X 15,5 X 1,70
Peso: 480 gramas

Para delinear a poética do gênio não original, Marjorie Perloff discute o processo de recontextualização, citação e reciclagem da poesia moderna e contemporânea, em especial a do concretismo brasileiro e a da Oulipo, dois movimentos entendidos como precursores de textos híbridos, como o libreto da ópera Shadowtime, de CharlesBernstein, e a sequência lírica documental The Midnight, de Susan Howe. A argúcia da especialista e a sensibilidade da leitora incomum abrem novas perspectivas para se entender a poesia no novo século.

R$ 65,00

Infância e história Infância e história
Destruição da experiência e origem da história
Giorgio Agamben
Henrique Burigo (Tradução)
Área: Filosofia | História
Coleção: Humanitas
2005. 2008 – 1ª reimpressão
2012 – 2ª reimpressão. 188 p. ISBN: 978-85-7041-459-5

Mostra que todo discurso sobre a experiência deve partir da constatação de que ela não é mais algo que ainda nos seja dado fazer. Assim, como foi privado da sua biografia, o homem contemporâneo foi expropriado de sua experiência. A expropriação da experiência está implícita no projeto de concepção de ciência, uma vez que ela (a ciência) nasce de uma desconfiança em relação à experiência. Imprevisibilidade e incerteza não cabem no seu discurso. A idéia de uma infância como uma “substância psíquica” pré-subjetiva revela-se então um mito, como aquela de um sujeito pré-lingüístico. Infância e linguagem parecem remeter uma à outra em um círculo no qual a infância é a origem da linguagem e a linguagem a origem da infância. A infância não é apenas uma etapa cronológica da existência humana, mas sim uma condição para que o próprio homem continue a viver.

R$ 42,00

Aqui América Latina Uma Especulação Aqui América Latina Uma Especulação
Josefina Ludmer
Tradução: Rômulo Monte Alto
Área: História | Crítica
Coleção: Humanitas
2013. 183 p. ISBN: 978-85-7041-985-9
Dimensão: 22,3 X 15,5 X 1,0
Peso: 290 gramas

Este livro apresenta reflexões instigantes sobre o universo “real virtual” a que a autora chama de imaginação pública ou fábrica de realidade. Sua lógica é a da conexão e superposição de todo o visto e o ouvido; seu fio condutor, a produção literária contemporânea na América latina. Fernando Vallejo, Horacio Castellanos Moya, Martín Kohan, Perla Suez e Diamela Eltit definem uma forma específica de “realidadeficção”, que transita por novos territórios e temporalidades. Ao delinear com argúcia e sensibilidade crítica sua especulação, Josefina Ludmer nos oferece uma obra decisiva para se pensar a configuração cultural e política da atualidade.

R$ 49,00

Da Diáspora Da Diáspora
Identidades e mediações culturais
Stuart Hall
Liv Sovik (Organizadora)
Área: Identidade cultural
Coleção: Humanitas
2013. 480 p. 2ª Edição. ISBN: 978-85-423-0028-4
Dimensão: 22,4 X 15,5 X 2,5
Peso: 700 gramas

Jamaicano de origem, Stuart Hall mora na Grã-Bretanha desde 1951 e, por ser migrante, vive no que ele considera “a condição arquetípica da modernidade tardia”. Escreve a partir da diáspora pós-colonial, de um engajamento com o marxismo e o debate teórico sobre cultura, e de uma visão de cultura impregnada pelos meios de comunicação. Sua obra é delicada em sua empatia com interlocutores, teóricos e outros atores no cenário cultural, e incisiva em sua afirmação da importância social de pensar, para “deslocar as disposições do poder” e democratizá-las.

R$ 62,00

Intermidialidade e Estudos Interartes Intermidialidade e Estudos Interartes
Desafios da arte contemporânea
Thais Flores Nogueira Diniz (Org.)
Área: Semiótica | Artes
Coleção: Humanitas
2013. 152 p. ISBN: 978-85-423-0005-5
Dimensão: 22,3 X 15,5 X 0,9
Peso: 240 gramas

São raras no Brasil publicações envolvendo questões teóricas, essenciais ao embasamento dos estudos interartes, e, mais ainda, textos voltados para os estudos de intermidialidade que, sem descartar análises de obras canônicas, contemplam produções contemporâneas, de caráter estético às vezes questionado. Este livro visa preencher essa lacuna, oferecendo uma seleção de textos de difícil acesso, traduzidos por integrantes do grupo de pesquisa Intermídia: Estudos sobre a Intermidialidade, que abordam, além do próprio conceito de intermidialidade e sua relação com os estudos literários, outras noções cruciais, tais como: remediação, picturalidade, transescritura e relações músico-literárias (SOLANGE RIBEIRO DE OLIVEIRA).

R$ 35,00

Lavradores, águas e lavouras Lavradores, águas e lavouras
Estudos sobre gestão camponesa de recursos hídricos no Alto Jequitinhonha
Flávia Maria Galizoni (organizadora)
Área: Educação Ambiental
Coleção: Humanitas
2013. 254 p. ISBN: 978-85-423-0001-7
Dimensão: 22,5 X 15,5 cm
Peso: 380 g
Preço: R$ 42,00

A maior parte das nascentes e das áreas de recargas de mananciais de água doce situa-se em terras altas, secas e pouco férteis, exatamente as mesmas em que se assentam, no Brasil, as comunidades camponesas. Este livro analisa os dilemas surgidos da tensão entre consumo, conservação e regulação da água em comunidades camponesas do Alto Jequitinhonha mineiro. Revela como esses lavradores souberam fazer da fraqueza força, criando alternativas para o uso da água que combinam os preceitos do costume com a pressão da inovação para construir práticas sustentáveis ajustadas às bases culturais, ambientais e produtivas daquela sociedade.

R$ 42,00

Matrizes do Republicanismo Matrizes do Republicanismo
Newton Bignotto (organizador) Área: Ciência Política | Ciências Sociais
Coleção: Humanitas
2013. 213 p. ISBN: 978-85-7041-979-8
Dimensão: 22,5 X 15,5
Peso: 490 gramas

Este livro percorre a história de uma das correntes mais importantes do pensamento político ocidental: o republicanismo. A partir dos escritos de Políbio e Cícero na Antiguidade, passando por Maquiavel e pelos humanistas italianos do Renascimento, ele chega até as grandes revoluções modernas. Seu propósito é mostrar como, ao longo dos séculos, se formou uma tradição teórica que, ao mesmo tempo que conversava com o passado, respondia aos problemas postos por cada época para se criar um regime político baseado na liberdade e na igualdade: a república.

R$ 58,00

Crítica e coleção Crítica e coleção
Eneida Maria de Souza e Wander Melo Miranda (org.)
Área: Literatura | Crítica
Coleção: Humanitas
2011. 377 p. ISBN: 978-85-7041-837-1
Peso: 620 gramas
Formato: 22,5 x 15,3

Este livro reúne textos de Michel Schneider, Rachel Esteves Lima, Eneida Maria de Souza, Luiz Ruffato, Miguel Sanches Neto, Élida Lois, José Américo Miranda, Melânia Silva de Aguiar, Wander Melo Miranda, Gabriela Nouzeilles, Raúl Antelo, Roberto Said, Reinaldo Marques, Florencia Garramuño, Marcus Vinicius de Freitas, Constância Lima Duarte, Ana Mafalda Leite, Pablo Rocca, Maria Clara Castellões de Oliveira, Haydée Ribeiro Coelho, Georg Otte, María Isabel Baldasarre, Maria Luiza Tucci Carneiro, Adriana Rodríguez Pérsico, Roniere Menezes.

R$ 47,00

O local da cultura O local da cultura
Homi K. Bhabha
Área: Estudos interculturais
Coleção: Humanitas
2013. 441 p. 2ª Edição. ISBN: 978-85-423-0014-7
Dimensão: 22,5 X 15,5
Peso: 640 gramas

Este livro oferece contribuições inestimáveis para diversas áreas, sobretudo a crítica literária e os estudos culturais. A luta contra a opressão colonial não apenas muda a direção da história ocidental, mas também contesta sua ideia historicista de tempo como um todo progressivo e ordenado. Esta é uma assertiva presente em O local da cultura, cujo autor, o crítico indo-britânico Homi K. Bhabha é apontado pela revista Newsweek como um dos prováveis 100 nomes de destaque no século 21.

R$ 63,00

Teoria crítica e semi(periferia) Teoria crítica e semi(periferia)
José Maurício Domingues
Área: Sociologia
Coleção: Humanitas
2011. 305 p. ISBN: 978-85-7041-911-8

Este livro oferece uma análise metodológica e substantiva da modernidade global contemporânea, tecida por múltiplos e contingentes giros modernizadores. Das obras de Mignolo, Cohn e Nandy, passando por análises de Israel e Cuba, a questões amplas sobre o conceito de civilização, de desenvolvimento, de democracia, culminando numa comparação entre as principais áreas da periferia e da semiperiferia, o autor nos apresenta uma ampla investigação que visa repensar a teoria crítica em um molde ecumênico, bem como propor uma leitura desprovincializante do Brasil e ao mesmo tempo descentrada em relação ao Ocidente.

R$ 46,00

Pensamento Vivo Pensamento Vivo
Origem e atualidade da filosofia italiana
Roberto Esposito
Área: Filosofia
Coleção: Humanitas
2013. 349 p. ISBN: 978-85-423-0025-3
Dimensões: 22,5 x 15,5 x 2,0
Peso: 515 gramas

Existe algo como uma “filosofia italiana”? E, antes ainda, é legítimo considerar a filosofia em termos de inclusão nacional ou, ao menos, territorial? A geofilosofia – ou seja, a caracterização territorializante, e, portanto, também sempre desterritorializada, do pensamento – não coincide de modo algum com o nacionalismo filosófico. Ao constatarmos a pluralidade originária e a extroversão características da reflexão italiana, nos damos conta de que é justamente esta saída de si – a sua contínua desterritorialização – o traço mais originalmente vivo do pensamento italiano.

R$ 65,00

A Bolívia no espelho do futuro A Bolívia no espelho do futuro
José Maurício Domingues, Alice Soares Guimarães, Aurea Mota, Fabricio Pereira da Silva (org.)
Área: Sociologia | História | Relações internacionais
Coleção: Humanitas
Coedição: IUPERJ/UCAM
2009. 208p. ISBN: 978-85-7041-755-8 (UFMG) e 978-85-98272-19-1 (IUPERJ)

Ao longo de toda sua história a Bolívia foi um país de fortes mobilizações e peculiar dinâmica social e política. O começo do século XXI reiterou essas características, com um intenso processo de mudança social que chamou a atenção de todo o mundo, em particular a partir da ascensão de Evo Morales e do Movimento ao Socialismo (MAS) ao poder em 2006. Movimentos indígenas, nacionalismo, conflitos com a oposição regional, luta por uma nova inserção internacional, democratização e confecção de uma nova constituição são os temas que se destacam no agitado cenário boliviano.

R$ 35,00

Borges e outros rabinos Borges e outros rabinos
Lyslei Nascimento
Área: Literatura Argentina | Judaísmo
Coleção: Humanitas
Apoio: Programa de Pós-Graduação em Letras: Estudos Literários da Fale/UFMG
2009. 219p. ISBN: 978-85-7041-751-0

A biblioteca, o labirinto e o Aleph são, para muitos, as principais chaves de leitura da obra borgiana. Porém, o necessário olhar para as franjas do texto borgiano passa pela apaixonada leitura de Borges sobre a tradição judaica. Em vez de elencar todas as referências e citações judaicas da obra de Jorge Luis Borges, este livro segue um traço indelével que constitui, de forma estrutural, sua obra, ou seja, a tradição judaica. Borges desfrutou de uma condição privilegiada para um pensamento aberto e plural, organiza o passado, com seu léxico, seus procedimentos e temas. Um texto a ser reinventado, um arquivo aberto..

R$ 35,00

Desenvolvimento, justiça e meio ambiente Desenvolvimento, justiça e meio ambiente
José Augusto Pádua (org.)
Área: Meio Ambiente | Sociologia | Economia
Coleção: Humanitas
Coedição: Editora Peirópolis
Apoio: Fundação Israel Pinheiro
Patrocínio: Natura | Lei de Incentivo à Cultura – Ministério da Cultura
2009. 324 p. ISBN: 978-85-7041-746-6 (Editora UFMG) | 978-85-7596-113-1
(Editora Peirópolis)

Inspirados pelo desafio de repensar a temática do desenvolvimento, tendo em vista as novas questões e realidades presentes no cenário histórico global do início do século XXI, intelectuais e pesquisadores brasileiros compartilham aqui suas ideias sobre as interações entre natureza, sociedade, ciência, tecnologia e cultura em benefício de um novo modelo de desenvolvimento que seja democrático, socialmente inclusivo e ambientalmente sustentável. Como diz Ignacy Sachs no prefácio à obra, “o ecodesenvolvimento é sustentado por um duplo conceito ético: de solidariedade sincrônica com todos os passageiros da nave espacial Terra e de solidariedade diacrônica com as gerações futuras.” Esse livro apresenta, sob uma variedade de perspectivas, as referências conceituais que norteiam o trabalho de educação para a sustentabilidade do Espaço Israel Pinheiro em Brasília.

R$ 49,00

Histórias dos gerais Histórias dos gerais
Eduardo Magalhães Ribeiro (org.)
Editora UFMG
Área: História de Minas
Coleção: Humanitas
Apoio: CNPq e Fapemig
2010. 329 p. ISBN: 978-85-7041-822-7

O livro apresenta pesquisas que abordam a relação estabelecida pelo homem da região do Alto-Médio São Francisco com a ocupação do solo e sua luta constante para praticar agricultura em uma região com grande escassez de água. Os capítulos são resultado de pesquisas realizadas entre 2007 e 2010. Os autores traçam o perfil dos sujeitos que compõem esse universo e eles trazem grande similaridade com personagens da literatura mineira. A arte da capa foi inspirada no trabalho de bordadeiras de Montes Claros. A ilustração mostra elementos regionais como o carro de boi e o buriti.

R$ 55,00

Teoria social realista: um diálogo franco-britânico Teoria social realista: um diálogo franco-britânico
Frédéric Vandenberghe
Editora UFMG
Co-edição: IUPERJ
Área: Sociologia
Coleção: Humanitas
2010. 365 p. ISBN: 978-85-7041-809-8 (Editora UFMG); 978-85-98272-21-4 (IUPERJ)

Este livro apresenta o realismo crítico – um movimento na filosofia e nas ciências sociais associado ao trabalho de Roy Bhaskar – ao público brasi-leiro. Na interseção entre a filosofia e a sociologia, a obra adota uma perspec-tiva realista para reconstruir as ideias de alguns dos principais teóricos sociais contemporâneos, oferecendo uma visão abrangente da teoria social atual e uma discussão aprofundada de alguns de seus principais temas: pensamento relacional, crítica e constituição, movimentos sociais, conversa-ções internas.

R$ 55,00

Teoria crítica e (semi)periferia Teoria crítica e (semi)periferia
José Maurício Domingues
Área: Sociologia
Coleção: Humanitas
2011. 305 p. ISBN: 978-85-7041-911-8

Este livro oferece uma análise metodológica e substantiva da modernidade global contemporânea, tecida por múltiplos e contingentes giros modernizadores. Das obras de Mignolo, Cohn e Nandy, passando por análises de Israel e Cuba, a questões amplas sobre o conceito de civilização, de desenvolvimento, de democracia, culminando numa comparação entre as principais áreas da periferia e da semiperiferia, o autor nos apresenta uma ampla investigação que visa repensar a teoria crítica em um molde ecumênico, bem como propor uma leitura desprovincializante do Brasil e ao mesmo tempo descentrada em relação ao Ocidente.

R$ 46,00

Antropologia brasiliana - ciência e educação na obra de Edgard Roquette-Pinto Antropologia brasiliana - ciência e educação na obra de Edgard Roquette-Pinto
Nísia Trindade Lima; Dominichi Miranda de Sá
Área: Antropologia | Comunicação
Coleção: Humanitas
Co-Edição: Editora Fiocruz
2008. 327 p. ISBN: 978-85-7041-724-4 (Editora UFMG) e 978-85-7541-163-6 (Editora Fiocruz)

Dedicado inicialmente ao estudo das raças e dos tipos antropológicos brasileiros, Roquette-Pinto tornou-se mais conhecido como divulgador de ciência, entendendo-a como base para reformas sociais. Sua trajetória é, no entanto, parte importante da história da antropologia, da educação, da comunicação e da divulgação científica no Brasil, ajudando a compreender a história da República brasileira na primeira metade do século XX. Essa contribuição conta com instituições científicas, como o Instituto Oswaldo Cruz, o Instituto Butantan e o Museu Nacional, por meio de atividades voltadas para o estudo do território e das populações do país, entre outras iniciativas.

R$ 55,00

Maquiavel - política e retórica Maquiavel - política e retórica
Helton Adverse
Área: Ciência Política | Filosofia Coleção: Humanitas
2009. 375p. ISBN: 978-85-7041-750-3

Esse livro parte da seguinte pergunta: na perspectiva de Maquiavel, qual a condição para o exercício e manutenção do poder político? Se a instituição de um Estado não costuma dispensar o uso da força, a conservação do poder abre uma dimensão diferente no domínio da ação: para manter-se no poder, o homem político deve ser capaz de entrar no jogo da aparência. Mas esse jogo não pode ser reduzido à manipulação da imagem ou à aplicação de uma técnica da ilusão. O que está em questão é a constituição de um lugar para a ação política: o lugar do príncipe.

R$ 49,00

Introdução à poesia oral Introdução à poesia oral
Paul Zumthor Jerusa Pires Ferreira; Maria Lúcia Diniz Pochat; Maria Inês de Almeida (Tradução)
Editora UFMG
Área: Poesia
Coleção: Humanitas
2010. 354 p. ISBN: 978-85-7041-759-6

Introdução à poesia oral, de Paul Zumthor, é um dos lançamentos mais esperados do ano. A obra foi publicada pela primeira vez em 1983, na França, e recebeu tradução para o português em 1997. Zumthor é uma referência nos estudos da oralidade, principalmente do período medieval. A principal contribuição desta obra foi buscar, nos registros escritos da poesia medieval, as marcas da voz viva e identificar suas manifestações contemporâneas e da voz mediatizada pelo disco, do rádio e do cinema. A tradução é de Jerusa Pires Ferreira, Maria Lúcia Diniz Pochat e Maria Inês de Almeida.

R$ 53,00

O Código Morse: ensaios sobre Richard Morse O Código Morse: ensaios sobre Richard Morse
O Código Morse: ensaios sobre Richard Morse Beatriz H. Domingues e Peter L. Blasenheim (org.)
Área: Cultura - História
Coleção: Humanitas
2010. 283 p. ISBN: 978-85-7041-824-1

O Código Morse aborda a vida e a obra de Richard Morse, pensador norte-americano que se especializou em cultura brasileira e latino-americana. Morse é considerado um brasilianista atípico por demonstrar uma paixão incomum pelo seu objeto de estudo. Esteve pela primeira vez no Brasil, em 1947, para realizar uma pesquisa sobre a cidade de São Paulo. Seu trabalho mais importante é O Espelho de Próspero, publicado em 1988, em que promove uma inversão do espelho e critica a postura norte-americana em relação aos países latino-americanos. Para Morse, o que eles chamam de subdesenvolvimento é apenas uma opção cultural e civilizacional.

R$ 52,00

A reinvenção do escritor - Literatura e mass media A reinvenção do escritor - Literatura e mass media
Sérgio de Sá
Área: Comunicação
Coleção: Humanitas
2010. 275 p. ISBN: 978-85-7041-854-8

Partindo da ficção em prosa e com abordagem clara, Sérgio de Sá apresenta para o leitor as principais teorias que influenciam os meios de comunicação na seleção da informação e propõe reflexões sobre a atividade do escritor neste cenário. A reinvenção do escritor: literatura e mass media mostra como a estética da literatura vem enfrentando o mundo-media, numa tentativa de sobrevivência tão sóbria quanto desesperada.

R$ 52,00

O poder ao povo: júris de cidadãos, sorteio e democracia participativa O poder ao povo: júris de cidadãos, sorteio e democracia participativa
Yves Sintomer
André Rubião (tradução e apresentação)
Área: Ciência Política | História
Coleção: Humanitas
2010. 230 p. ISBN: 978-85-7041-856-2

O poder ao povo: júris de cidadãos, sorteio e democracia participativa de Yves Sintomer propõe o uso do sorteio na política como forma de renovar a democracia. Para o autor, a democracia está em crise e o sorteio possibilita que os cidadãos comuns sejam chamados para a esfera pública para tomar decisões. O uso do sorteio na política era uma tradição na Grécia antiga e nas republicas italianas renascentistas. Com a modernidade, o sorteio desapareceu, ficando apenas o seu uso restrito ao tribunal do júri. Na obra, Sintomer apresenta experiências com uso do sorteio que apareceram a partir da segunda metade do século XX e demonstra como a ideia do sorteio pode levar a outras iniciativas dentro da democracia participativa.

R$ 51,00

Ambivalência, contradição e volatilidade no sistema penal: leituras contemporâneas da sociologia da punição Ambivalência, contradição e volatilidade no sistema penal: leituras contemporâneas da sociologia da punição
Carlos Canêdo, David S. Fonseca (organizadores)
Área: Criminologia | Controle Social
2012. 340 p. ISBN: 978-85-7041-832-6
Coleção: Humanitas
Dimensão: 22,50 x 15,50
Peso: 560 gramas

Esta coletânea de textos traça um panorama crítico das principais tendências de controle do crime e da punição na atualidade. Os artigos aqui reunidos permitem sintetizar muitos dos dilemas enfrentados pelos sistemas de justiça criminal após o enfraquecimento das políticas de bem-estar penal e o aumento de práticas punitivas. Para compreender a crise da reabilitação penal e a ampliação da população prisional, os autores recorrem a diversas e instigantes fontes de interpretação, as quais incluem a preocupação com amplas mudanças no panorama da modernidade, o aglutinamento de forças conservadoras na direção da vida política, os efeitos da dispersão de indicadores de riscos no controle de populações e a crescente exclusão de setores cada vez mais amplos da sociedade.

R$ 62,00

Minha voz é tudo o que eu tenho: manifestações juvenis em Berlim e São Paulo Minha voz é tudo o que eu tenho: manifestações juvenis em Berlim e São Paulo
Wivian Weller
Área: Estudos Culturais
Coleção: Humanitas
2011. 252 p. ISBN: 978-85-7041-794-7
Preço: R$ 52,00

As mudanças vividas nas últimas décadas exigem uma reflexão sobre o real conteúdo das experiências juvenis, sem violar seu caráter individual ou coletivo, suas especificidades de gênero, de geração, de pertencimento étnico-racial, seus lugares ou não lugares. Este livro analisa as orientações coletivas e as estratégias de enfrentamento das discriminações desenvolvidas por jovens negros e de origem turca pertencentes ao Movimento Hip-Hop. Na transição para a vida adulta, o pertencimento a um grupo musical proporcionou a esses jovens a constituição de novas relações, que passaram a substituir os vínculos perdidos com os deslocamentos de suas famílias e trouxeram algumas perspectivas de superação dos problemas enfrentados por eles.

R$ 52,00

Os antimodernos: de Joseph de Maistre a Roland Barthes Os antimodernos: de Joseph de Maistre a Roland Barthes
Antoine Compagnon
Laura Taddei Brandini (tradutora)
Área: Literatura | História
Coleção: Humanitas
2011. 573 p. ISBN: 978-85-7041-912-5

Quem são os antimodernos? Não os conservadores, os acadêmicos, os medrosos, os convencionais, os reacionários, mas os modernos a contragosto, sem querer, contra a vontade, aqueles que avançam olhando no retrovisor, como Sartre dizia de Baudelaire. Os antimodernos foram o tempero da modernidade, seu avesso ou sua dobra, sua reserva e seu recurso. Sem o antimoderno, o moderno teria os dias contados, pois os antimodernos deram a liberdade aos modernos, eles foram os modernos mais a liberdade. Este livro explora o filão da resistência que atravessa toda a modernidade e que de alguma maneira a define, distinguindo-a de um modernismo ingênuo, zeloso do progresso. A contrarrevolução, o anti-Iluminismo, o pessimismo, o pecado original, o sublime, a vituperação e algumas grandes figuras antimodernas dos séculos XIX e XX são examinados nesta obra.

R$ 68,00

Variedades de capitalismo, política e desenvolvimento na América Latina Variedades de capitalismo, política e desenvolvimento na América Latina
Renato R. Boschi (org.) Área: Ciências Sociais Coleção: Humanitas 2011. 376 p. ISBN: 978-85-7041-869-2 Este livro reúne estudos sobre a temática do desenvolvimento, focalizando as trajetórias de diferentes países como o Brasil, a Argentina, o Chile e a Venezuela, tendo em vista as variedades capitalistas e de desenvolvimento por eles engendradas. As análises aqui incluídas são fruto de uma reflexão coletiva levada a cabo no âmbito do NEIC (Núcleo de Estudos do Empresariado, Instituições e Capitalismo) com a participação de doutorandos do IESP/UERJ, sob a coordenação de Renato Boschi, e com a colaboração de pesquisadores de outras instituições, como Eli Diniz (UFRJ) e Eduardo Gomes (UFF).

R$ 63,00

Um toque de clássicos - Marx | Durkheim | Weber Um toque de clássicos - Marx | Durkheim | Weber
Tania Quintaneiro, Maria Ligia de Oliveira Barbosa, Márcia Gardênia Monteiro de Oliveira
Área: Sociologia
Coleção: Aprender
1995 – 1ª edição | 2002 – 2ª edição
revista e ampliada | 2003 e 2007 –
reimpressões | 2009 – 2ª edição
revista e atualizada | 2010 – 1ª
reimpressão
2011. 157 p. ISBN: 978-85-7041-317-8

Através da abordagem de tópicos fundamentais da obra de Karl Marx, Émile Durkheim e Max Weber, Um toque de clássicos busca facilitar aos leitores o acesso ao pensamento desses três grandes teóricos da Sociologia. Com uma linguagem límpida e didática, esta publicação vem a ser de grande utilidade para os professores e estudantes de nível superior, em cursos de introdução à teoria sociológica e em cursos de atualização para professores de ensino médio e fundamental.

R$ 51,00

Machado de Assis leitor: uma viagem à roda de livros Machado de Assis leitor: uma viagem à roda de livros
Ruth Silviano Brandão; José Marcos Resende
Oliveira
Área: Literatura brasileira | Crítica
e interpretação
Coleção: Humanitas
Apoio: Programa de Pós-Graduação em
Letras: Estudos Literários - Pós-Lit
2011. 242 p. ISBN: 978-85-7041-899-9

Xavier de Maistre viajou à roda do quarto, lembra Machado de Assis, andarilho das letras que fez viagens à roda de livros. Sem elas, o mundo ficaria menor e nossos olhos de leitores veriam menos. As bibliotecas abrem as portas dos livros e do universo. A Biblioteca de Machado de Assis é ampla janela para as mais variadas literaturas, recriando nossos olhos brasileiros e os olhos de seu século. Seus livros continuam reinventando os livros, o mundo e seus leitores, com a interminável errata pensante que não permite que a literatura deixe de realizar sua incessante viagem à roda de outros livros, até que chegue ao leitor ruminante, que não os dá aos vermes, ao contrário do que disse Brás Cubas.

R$ 36,00

Pós-colonialismo, identidade e mestiçagem cultural: a literatura de Wole Soyinka Pós-colonialismo, identidade e mestiçagem cultural: a literatura de Wole Soyinka
Eliana Lourenço de Lima Reis
Área: Literatura africana | História
Coleção: Humanitas
Apoio: Pós-Lit / UFMG
2011. 302 p. ISBN: 978-85-7041-903-3

Um dos intelectuais mais destacados de nosso tempo, Wole Soyinka tem se dedicado, em suas obras literárias e em suas atividades como intelectual laureado com o Prêmio Nobel, à crítica das consequências políticas e culturais do processo de descolonização e da criação das novas nações africanas. Este livro discute a escrita de Soyinka em gêneros diversos (drama, memórias e ensaios), focalizando principalmente sua visão das relações culturais e literárias que compõem a arte e o sujeito cultural contemporâneo.

R$ 41,00

Francis Bacon e a fundamentação da ciência como tecnologia 2ª edição Francis Bacon e a fundamentação da ciência como tecnologia 2ª edição

Bernardo Jefferson de Oliveira
Área: Filosofia
Coleção: Humanitas
2002 – 1ª edição
2010. 284 p. ISBN: 978-85-7041-833-3

Durante muito tempo a ciência foi pensada como um conhecimento meramente teórico, desvinculado dos afazeres práticos, e a técnica foi tratada como um tipo de conhecimento inferior. No entanto, hoje em dia, quando se fala em ciência, é difícil dissociá-la da tecnologia. De onde vem essa aproximação? A história de suas relações é bastante polêmica. Este livro analisa a obra do filósofo inglês Francis Bacon (1561-1626) como um discurso inaugural sobre a convergência entre o conhecimento técnico e a ciência.

R$ 45,00

O sacramento da linguagem: arqueologia do juramento O sacramento da linguagem: arqueologia do juramento
Giorgio Agamben
Selvino José Assmann (tradução)
Área: Filosofia | História
Coleção: Humanitas
2011. 91 p. ISBN: 978-85-7041-885-2

A partir da investigação direta em fontes gregas e romanas, Agamben mostra a importância decisiva do juramento na história política do Ocidente, sobretudo na articulação entre religião (tradição judaico- -cristã) e política. Se o ser humano se distingue dos outros seres pela linguagem, é pelo juramento que ele se vincula à própria palavra e à dos outros e que põe em jogo a sua vida e o seu destino. E quando – como acontece hoje – o juramento deixa de ser o meio pelo qual o ser humano se constitui como animal político, convém pensar numa nova forma de política. Nesse sentido, esta obra, além de ser uma descrição da origem e da importância histórica do juramento, é, sobretudo, uma arqueologia filosófica do juramento.

R$ 29,00

Mundivivências: leituras comparativas de Guimarães Rosa Mundivivências: leituras comparativas de Guimarães Rosa
Luiz Fernando Valente
Área: Literatura brasileira | Crítica e interpretação
Coleção: Humanitas
Apoio: Brown University
2011. 163 p. ISBN: 978-85-7041-872-2

Ao propor que a obra de João Guimarães Rosa requer uma abordagem comparativa, este livro relê, a partir dos conceitos de liminaridade, mediação e afetividade, diversos textos do autor mineiro em relação a vários outros de ficcionistas e pensadores, como William Faulkner, Italo Calvino, Liev Tolstói, Carl Jung e Paul Ricoeur.

R$ 35,00

Imprensa, humor e caricatura: a questão dos estereótipos culturais Imprensa, humor e caricatura: a questão dos estereótipos culturais
Isabel Lustosa (org.)
Área: Comunicação
Coleção: Humanitas
2011. 563 p. ISBN: 978-85-7041-773-2
Preço: R$ 83,00

Ao abordar as várias práticas da imprensa ilustrada, da caricatura, da fixação e da negação de estereótipos que tiveram lugar em diferentes épocas, do século XVIII ao XXI, este livro traça um divertido retrato das produções e publicações de humor na América Latina e na Europa. Além de conter importante documentação histórica, a obra analisa politicamente o humor e sua contextualização na cultura e na história de vários países.

R$ 83,00

Vozes plurais: filosofia da expressão vocal Vozes plurais: filosofia da expressão vocal
Adriana Cavarero
Tradução: Flavio Terrigno Barbeitas
Área: Filosofia | Música
Coleção: Humanitas
2011. 312 p. ISBN: 978-85-7041-850-0
Preço: R$ 59,00

A voz não engana. Suas inflexões, seu timbre, até mesmo suas pausas e seus silêncios nos falam algo de quem a emite. Permitindo-nos reconhecê-la e conhecer as suas intenções, a voz permite também identificar o sentido de um discurso lá onde a palavra escrita se detém no simples significado. Nesse sentido, é possível reler a história da voz como o avesso dos grandes temas que atravessaram a filosofia desde suas origens, como contraposição ao sistema logocêntrico da palavra que abstrai das diferenças individuais para poder “teorizar” – ou “ver”, segundo a raiz grega do verbo theorein. O resultado dessa releitura é uma comunidade em que a palavra brota de uma pluralidade de vozes, únicas e relacionais, que “ressoam” umas nas outras.

R$ 59,00

Hermenêutica e poesia: o pensamento poético Hermenêutica e poesia: o pensamento poético
Benedito Nunes
Maria José Campos (org.)
Área: Literatura | Filosofia
Coleção: Humanitas
1999. 186 p. ISBN: 85-7041-192-8
2001, 2007. Reimpressões
2011. 175 p. ISBN: 978-85-7041-192-1
Preço: R$ 36,00

Neste livro, Benedito Nunes lê Heidegger de forma original e única, apresentando, em meio ao essencial do discurso poético, a possibilidade fundamental do silêncio. Assim, Nunes explicita três outras condições que também são pertinentes: o ouvir, o poder-ouvir e o silenciar. Ora, quando ouvimos, ouvimos sons configurados; ao ouvir uma melodia, ou distinguir uma harmonia na música, ou ao ouvirmos alguém falar, estamos voltados para a significação daquilo que nos é transmitido.

R$ 36,00

Maria com Marcel : Duchamp nos trópicos Maria com Marcel : Duchamp nos trópicos
Raúl Antelo
Área: Crítica e interpretação
Coleção: Humanitas
Apoio: Fundação Guggenheim
2010. 385 p. ISBN: 978-85-7041-776-3

Em Maria com Marcel: Duchamp nos trópicos, Antelo parte da permanência de Marcel Duchamp em Buenos Aires, por alguns meses em 1919, para traçar um percurso labiríntico cujas marcas fundamentais são a relação amorosa do artista com Maria Martins, os avatares latino-americanos entre o surrealismo bretoniano e o batailliano e a noção duchampiana de “infraleve” aplicada à experimentação ensaística.

R$ 55,00

As tensões do lugar: hidrelétricas, sujeitos e licenciamento ambiental As tensões do lugar: hidrelétricas, sujeitos e licenciamento ambiental
Andréa Zhouri Área: Meio ambiente
Coleção: Humanitas
Apoio: Programa de Pós-Graduação em Sociologia UFMG | Capes
2011. 327 p. ISBN: 978-85-7041-918-7

No contexto atual, marcado por debates públicos sobre as mudanças climáticas e as crises ambientais e energéticas, esta coletânea apresenta reflexões sobre a implantação de projetos hidrelétricos no país, especialmente na Amazônia e em Minas Gerais, regiões ricas em mananciais hídricos. Debate-se a retomada de antigos projetos do Plano de Aceleração do Crescimento (PAC) em um contexto pautado pela tendência à desregulação ambiental, como os recorrentes ataques ao licenciamento. Em todos os casos, reflete-se sobre a colisão das obras com os modos de vida rurais, ribeirinhos e indígenas de lugares onde se encontram os biomas mais ameaçados do país. As tensões se manifestam em torno das estratégias de invisibilização dos sujeitos e de seus lugares nos processos de licenciamento ambiental, que, em geral, favorecem uma ideologia desenvolvimentista, abstrata e desigual.

R$ 46,00

Causalidade e direção do tempo - Hume e o debate contemporâneo Causalidade e direção do tempo - Hume e o debate contemporâneo
Túlio Aguiar
Área: Teoria do Conhecimento | Crítica e interpretação
Coleção: Humanitas
2008. 177p. ISBN: 978-85-7041-703-9

O tema deste livro é a investigação filosófica dos processos causais e sua repercussão na ciência e na vida cotidiana. Quando atiramos uma pedra em um lago de águas calmas, vemos a formação das características ondas concêntricas em expansão. Nós nunca observamos o processo inverso, em que as ondas se contraem e a pedra é expelida do lago. Este exemplo sugere que os processos causais têm uma direção e que ela tem a mesma direção do tempo – do passado para o futuro. Será isso uma mera coincidência? A direção do tempo explica a direção dos processos causais, ou seria o contrário? Na tentativa de responder a este tipo de questão, investigamos as noções de explicação causal, leis da natureza, rede causal, dependência probabilística e direção do tempo.

R$ 35,00

Janelas indiscretas: ensaios de crítica biográfica Janelas indiscretas: ensaios de crítica biográfica
Eneida Maria de Souza
Área: Literatura | Ensaios brasileiros
Coleção: Humanitas
2011. 261 p. ISBN: 978-85-7041-891-3

Este livro articula as relações teórico-ficcionais entre obra e vida em torno de temas comuns, como morte, doença, amor, ódio, suicídio e traição. Uma vez firmado o pacto ficcional, a vida do escritor reverte-se necessariamente em grafia, e a biografia se traduz em literatura. A crítica biográfica se pauta pela liberdade de montar perfis literários dos escritores e de imaginar encontros entre eles, uma forma de elucidar propostas poéticas, questões teóricas e contextuais. Por essa operação criativa, concebe-se tanto a vida quanto a ficção como domínios da representação e do artifício.

R$ 43,00

Topo da página