Arquitetura da Modernidade

Leonardo Barci Castriota (org.)

R$ 54,90

Sinopse

“Belo Horizonte nasce como o sonho de uma ordem, que, como nos lembra Ángel Rama, vai encontrar nas terras do Novo Continente o único lugar propício para encarnar: da remodelação de Tenochtitlan, após sua destruição por Cortés, em 1521, até a inauguração, em 1960, de Brasília, ‘o mais fabuloso sonho de urbe de que foram capazes os americanos’, o nosso continente tem sido pródigo em cidades sonhadas. Sonho do século XIX, Belo Horizonte corporifica-se, no entanto, quando esse chega a seu fim: sua cenografia urbana, seu traçado de malhas superpostas, sua toponímia republicana vão assistir à passagem do século XX, que rapidamente remodela o espaço sonhado por Araão Reis. Essa transformação é tão profunda que, hoje, quase só a ‘permanência do plano’ – traída inesperadamente pela vista privilegiada de alguma esquina – aparece como testemunha daquela cidade construída num planalto poeirento, sobre os escombros do arraial do Curral d´El-Rei.  Belo Horizonte nasce moderna e, como tal, infiel a si mesma. Contar a história da arquitetura dessa cidade é, portanto, falar da história da sua produção continuada, das modernidades em sucessão que vão marcando o seu território.”


Área:
Arquitetura e Artes
Coleção:
Obra Avulsa
ISBN:
9788542302172
Ano | Edição:
2017 | 2º
Páginas:
288
Editora:
UFMG
Dimensão:
24,00 x 1,5 x 18,00 cm
Peso:
750 g

Editora da Universidade Federal de Minas Gerais

Receba nossas promoções em seu e-mail!